Notícia

PROTESTE pede retirada de molhos do mercado

04 julho 2006

04 julho 2006

Pêlos de rato, partes de insetos e contaminação. Por incrível que pareça tudo isso foi encontrado em molhos de tomate industrializados.

A PROTESTE entrou com ações nos Fóruns Central e do Jabaquara, em São Paulo, pedindo a retirada do mercado dos lotes de molhos de tomate eliminados do seu teste. Os produtos apresentavam risco de deterioração ou até presença de pêlos de roedores, que podem ser possíveis causadores de doenças. As ações foram para busca e apreensão desses alimentos nocivos à saúde nos supermercados.

O pedido da PROTESTE para proibir a venda dos lotes dos produtos eliminados, foi feito com a apresentação dos laudos dos testes realizados com trinta molhos de tomate, em que a PROTESTE eliminou sete deles e outros quinze apresentaram resultados ruins.

Além da ação, a associação entrou em contato com Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) cobrando uma legislação e uma fiscalização mais rígidas quanto a qualidade de fabricação desses produtos.

Vera Lúcia Ramos
Assessora de Imprensa PROTESTE
e-mail:imprensa@proteste.org.br
Tel (11) 5573-3595 r. 202; (21) 9419-8852


Imprimir Enviar a um amigo