Notícia

Sopas Predilecta: práticas, mas saudáveis?

17 agosto 2011

17 agosto 2011

Analisamos três sabores de sopas prontas dessa marca, do ponto de vista nutricional. Veja a que conclusões chegamos.

A indústria alimentícia, atenta às demandas do consumidor moderno, oferece cada vez mais produtos práticos para pessoas que não têm tempo para gastar horas na cozinha preparando suas receitas.

Neste contexto, a Predilecta lançou um novo produto: sopas prontas vendidas em porções individuais. Basta aquecer no fogão ou micro-ondas, sem necessidade de acrescentar água, ou seja, mais prático, impossível.

Mas será que essa praticidade vale a pena do ponto de vista nutricional? É esta resposta que vamos buscar ao analisar a rotulagem dessas sopas e ajudar você a fazer uma escolha mais consciente.

As sopas prontas são vendidas nos seguintes sabores: Canja de Galinha com Legumes, Sopa de Vegetais e Tomate Seco e Caldo de Abobora com Carne Seca. Vamos analisar uma a uma:

  • - Canja de Galinha com Legumes:
  • É a mais light das três. Com apenas 82 Kcal, menos de 1 g de gordura total e teor de sódio que é aceitável para uma refeição, parece interessante para quem faz dieta. Mas o fato de não ter quantidade significativa de fibra alimentar e possuir o realçador de sabor glutamato monossódico na sua composição deixa a desejar. Uma opção para incrementar a refeição é, por exemplo, servi-la com torradas integrais temperadas com azeite e orégano.

  • - Sopa de Vegetais e Tomate Seco:
  • Tem 167 Kcal, mais proteína, fibra e gordura do que a canja e metade da quantidade de sódio que um indivíduo adulto necessita em um dia! Além de também ter glutamato monossódico, substância que você não adicionaria se fizesse a sopa em casa. Os hipertensos devem passar longe deste sabor.

  • - Caldo de Abobora com Carne Seca
  • É a mais calórica: 233 Kcal a porção individual e também a mais gordurosa (17 g de gordura total e 2,9 g de gordura saturada – 31% e 13% do valor diário de referência, respectivamente). Com quase 50% da necessidade diária de sódio e sem fibras alimentares, não é de todo ruim: é a única que não tem adição de glutamato monossódico.

O consumo deve ser imediato e por completo após a abertura do sachê, que tem preço de referência de R$ 2,86 para uma porção individual de 240 g.

É sempre melhor optar por produtos frescos e evitar aditivos alimentares desnecessários como os realçadores de sabor. Uma dica é preparar sua própria receita, com ingredientes escolhidos por você e congelar em pequenas porções.


Imprimir Enviar a um amigo