Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Atum: tem outro peixe na lata
Duas marcas vendem o bonito, uma outra espécie. Você pode encontrar, contudo, boas e legítimas opções no mercado.
01 fevereiro 2010 |

Testamos o atum em conserva ralado, ao natural e em óleo comestível, e constatamos que há boas opções no mercado. Mas atenção para não ser enganado: duas marcas vendem o bonito, um peixe mais barato, dizendo que é atum – sendo que uma delas está entre as mais caras. O sabor até que é parecido, mas não é justo que você pague a mais por um produto menos nobre, pensando estar levando outro para casa.

O bonito tem um sabor muito semelhante ao do atum, tanto que, no painel de consumidores, não se notou a diferença. Porém, é um peixe bem mais barato (em média, metade do preço do atum). O curioso é que um dos produtos mais caros entre os testados foi justamente o que vendeu bonito no lugar de atum.

Para saber quais marcas cometem esse erro e, ainda, conhecer os produtos apontados como o melhor do teste e a escolha certa, acesse a íntegra da matéria, publicada na revista PROTESTE nº 88.

 

Leia também

casal-sonhando
apple
destaque-black-friday
alimentos-funcionais

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.