Notícia

Bacalhau da Páscoa: aprenda como prepará-lo

25 março 2015

25 março 2015

Temperar o bacalhau com leite ou azeite e ervas intensifica o sabor do peixe. Já fervê-lo prejudica o seu gosto. Veja as nossas dicas para um prato saboroso nesta Páscoa.

Além de saber identificar o verdadeiro bacalhau, saber dessalgar o bacalhau corretamente antes de conservá-lo na geladeira ou no congelador, é importante seguir algumas dicas, para que o peixe fique macio e suas lascas praticamente derretam em sua boca, à moda portuguesa. 

Para receitas ao forno, por exemplo, faça um pré-cozimento do bacalhau. Além disso, evite ferver o peixe, pois isso prejudica seu paladar. 

Confira todas as nossas dicas:

  • Para uma refeição, calcule uma quantidade de 150g para 250g por pessoa.
  • Retire a pele quando o peixe ainda está salgado e seco: levante-a em uma das extremidades e retire-a firmemente. Também é possível fazer isso após o cozimento. As espinhas devem ser removidas ao desfiar o bacalhau, ainda salgado e seco, ou depois do cozimento.
  • Salve indicação da receita, não ferva o bacalhau, pois isso prejudica o paladar e resseca o peixe. Prepare-o sempre em fogo brando e reserve o caldo (a água do cozimento) para cozinhar as batatas ou o arroz de acompanhamento.


  • Para preparos ao forno ou na brasa, faça um pré-cozimento, colocando o peixe em um tabuleiro imerso em água em fogo brando, sem ferver, durante 10 minutos. 
  • Para intensificar o gosto do bacalhau, tempere-o com azeite e ervas ou imerso em leite e deixe descansar por pelo menos duas horas.
  • Compre complementos, como azeite de oliva, batatas e azeitonas, de qualidade, pois eles também influenciam no sabor do bacalhau.

Referência: Website Anvisa. 



Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e ganhe acesso ao conteúdo exclusivo que reservamos para você!



Imprimir Enviar a um amigo