Notícia

Alimentos funcionais vão além de nutrir

17 fevereiro 2009

17 fevereiro 2009

Produtos previnem doenças e fortalecem organismo, mas consumo deve ser acompanhado por rotina de vida saudável.

O comércio já oferece diversas opções dos chamados alimentos funcionais. Esses produtos contêm substâncias que, além de nutrir, produzem efeito benéfico adicional ao nosso organismo. Por isso, seu consumo regular pode fazer bem à saúde. Assim, a PROTESTE apresenta uma relação de alimentos funcionais e seus benefícios.

Vale lembrar que sozinhos, entretanto, eles são incapazes de melhorar seu bem-estar. Para que os alimentos funcionais realmente façam efeito, você deve também praticar um estilo saudável de vida, incluindo exercícios físicos regulares e dieta balanceada. Esse alerta, inclusive, deve aparecer nos rótulos dos produtos que prometem benefícios extras para a saúde.

Confira abaixo alguns dos alimentos que podem fazer a diferença na sua alimentação.

Aveia Aveia Alho Alho
Tomate Tomate  Alho Soja
Frutas cítricas Frutas cítricas Vinho e uvas Vinho tinto e uvas
Peixes de água fria Peixes de água fria  leites fermentados e iogurtes Leites fermentados e iogurtes

Aveia

  • Benefícios - melhora da saúde intestinal, redução do risco de câncer do cólon e doenças cardiovasculares, controle do colesterol e da glicemia.
  • Componente funcional – fibras solúveis beta-glucana

Alho

  • Benefícios - redução do risco de doenças cardiovasculares, estímulo à produção de enzimas protetoras contra o câncer gástrico.
  • Componente funcional – alicina

Tomate

  • Benefícios - evita a formação de radicais livres, redução do risco de doenças cardiovasculares, proteção contra cânceres, principalmente de próstata.
  • Componente funcional – licopeno

Soja

  • Benefícios - alívio dos sintomas da menopausa, redução do risco de doenças, cardiovasculares e osteoporose, redução do risco de câncer de mama e próstata.
  • Componente funcional – isoflavonas

Frutas cítricas

  • Benefícios - estímulo à produção de enzimas protetoras contra o câncer, redução do colesterol e evita a formação de radicais livres.
  • Componente funcional – flavonóides

Vinho tinto e uvas

  • Benefícios – Efeito anticancerígeno e redução do risco de doenças cardiovasculares.
  • Componente funcional – resveratrol e flavonóides

Peixes de água fria (salmão, arenque, atum, sardinha)

  • Benefícios - prevenção de doenças cardiovasculares, prevenção e controle de doenças auto-imunes e inflamatórias.
  • Componente funcional – ômega 3 (ou ácidos graxos da série n-3)

Leites fermentados e iogurtes

  • Benefícios - melhora da saúde intestinal, redução do risco de câncer do cólon, melhora da intolerância à lactose.
  • Componente funcional – probióticos (bactérias benéficas como os lactobacilos e as bifidobactérias)

Imprimir Enviar a um amigo