Notícia

Ketchup tem pelo de roedor

19 fevereiro 2013

19 fevereiro 2013

PROTESTE pede que lote da marca Heinz seja retirada do mercado após encontrar irregularidades em exame microscópico 

A PROTESTE está pedindo a retirada preventiva do mercado do lote 2C30 do Tomato Ketchup Heinz, 397 gramas, em que detectou a presença de pelo de roedor, através de exame microscópico. As amostras foram compradas em supermercado de São Bernardo, São Paulo, no final de 2012.

O problema foi detectado durante a realização de teste de ketchup envolvendo diversas marcas. Devido ao risco à saúde do consumidor, PROTESTE acionou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) mesmo antes de terminar as demais avaliações.

As sujidades encontradas nas análises demonstram que o alimento é impróprio para consumo, com forte indício de que há problemas graves de higiene, além do não cumprimento das boas práticas de fabricação.

Diante da violação ao Código de Defesa do Consumidor, à Constituição Federal, e à legislação sanitária vigente, a PROTESTE está solicitando também  a imediata inspeção no fornecedor importador e distribuidor do produto Heinz comercializado no Brasil, a Coniexpress. Os fornecedores estão sendo notificados dos resultados encontrados no laboratório.


Imprimir Enviar a um amigo