Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Lotes de cinco marcas de molho e extrato de tomate têm vendas suspensas
Anvisa detectou pelo de roedor acima do permitido. Desde 2006, testes da PROTESTE alertam para o problema desses produtos impróprios para o consumo.
28 julho 2016 |

extrato de tomate

Lotes de cinco marcas de molho e extrato de tomate foram proibidas de comercialização pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) por apresentar pelo de roedor acima do permitido.

Publicada no Diário Oficial da União desta quinta (28), a medida reforça a existência do problema detectado em vários testes feitos pela PROTESTE ao longo dos últimos anos.

Quais produtos tiveram a venda suspensa?

Estão proibidas a venda de lotes de molho e extrato de tomate das seguintes marcas e devem ser recolhidas do mercado os produtos dos seguintes lotes:

Fabricado por Stella D’Oro Ltda (CNPJ: 05.117.323/0001-83):

- Extrato de tomate Amorita – Lote L 076 M2P – Validade 01/04/2017

Fabricados por (CPNJ: 62.546.387/0001-33):
- Extrato de tomate  – Lote 213 23IE – Validade 03/2017

- Extrato de tomate Aro – Lote 002 M2P – Validade 05/2017

Fabricados por Cargill Agrícola S.A (CNPJ 60.498.706/0370-77):

- Molho de tomate tradicional Pomarola - Lote 030903 – Validade 31/08/2017

- Extrato de tomate Elefante - Lote 032502 – Validade 18/08/2017

As análises determinando o recolhimento foram baseadas na resolução RDC 14/2014, que define limites maiores de tolerância para matérias estranhas em alimentos e bebidas. Para produtos derivados de tomate, é tolerado 1 em 100g; canela em pó, 1 em 50g; chocolate e produtos achocolatados, 1 em 100g.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE!

 

Leia também

apple
img-plano-saude1
remédios

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.