Mais Barato PROTESTE: Utilize nosso plugin e garanta os menores preços, nas melhores lojas!

Mais rigor para aditivos
Nós notificamos novamente a Anvisa sobre o uso das substâncias, que podem desencadear alergias em pessoas sensíveis.
22 junho 2010 |

Mais rigor para aditivos

Não é de hoje que a PROTESTE chama a atenção para o riscos que aditivos alimentares podem causar à saúde.

Entre eles, estão os realçadores de sabor, como o glutamato monossódico. Em excesso, ele pode provocar, em pessoas alérgicas, a Síndrome do Restaurante Chinês, caracterizada por dores de cabeça, congestão facial e sensação de queimaduras. E o consumo exagerado de sódio pode desencadear ou acentuar a hipertensão.

Aditivos têm que ter limites mais rigorosos

Queremos mais rigor para o uso dos aditivos nos alimentos produzidos no Brasil.

Enquanto isso não acontece, continuaremos a nos basear na legislação europeia sobre aditivos, que é a mais favorável à saúde do consumidor. Ela estabelece um limite máximo de 10 g de glutamato monossódico por quilo de alimento.

Mais uma vez vamos notificar a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para que providências sejam tomadas quanto à regulamentação dos aditivos alimentares. Também reforçaremos a necessidade de que ocorra um controle maior do nível de sódio nesses alimentos.

 

Leia também

remédios
lexotan
água de coco

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.