Notícia

Perigo em pequenas doses

20 julho 2012

20 julho 2012

Saiba dos riscos a que você está exposto e conheça os maiores vilões entre essas substâncias.

Os alimentos industrializados oferecem praticidade e menor perecibilidade. Mas para dar ou preservar o sabor e textura, para conservar melhor, entre outros, a indústria utiliza diversos compostos aditivos, cada um com uma função.

Muitas dessas substâncias, quando usadas dentro dos limites permitidos, são consideradas inócuas para a saúde do consumidor. Porém, algumas podem causar males, mesmo em pequenas doses. Umas podem dar reações imediatas, outras, têm até efeito cumulativo.

Aqui você conhecerá as piores para a saúde.

35% dos produtos têm substâncias ruins

Em nossos testes com alimentos industrializados, quase sempre encontramos problemas com aditivos. Ora com quantidades elevadas, ora com substâncias que podem e devem ser evitadas na produção de alimentos.

Nos últimos dois anos, 77% dos produtos testados pela PRO TESTE apresentaram pelo menos um aditivo, sendo que 59% deles apresentaram mais de um aditivo. Mas o pior é que 35% dos produtos contêm aditivos indesejáveis, como o glutamato monossódico, BHT, BHA e o amarelo crespúsculo . Os campeões de aditivos entre os produtos já testados pela PRO TESTE nesse período foram os molhos para salada, as gelatinas e as mortadelas.


Imprimir Enviar a um amigo