Notícia

PROTESTE pede avanços nas garrafas térmicas

17 março 2014

17 março 2014

Solicitamos ao Inmetro que seja estabelecida uma certificação obrigatória para as garrafas térmicas que estimule os fabricantes a aprimorar a qualidade desses produtos disponíveis no mercado a diversas gerações.

Os resultados encontrados neste teste mostraram que a qualidade das garrafas térmicas vendidas no país tem passado por um retrocesso na eficiência térmica.

Em 2006, testamos modelos de garrafas com ampola de vidro e não encontramos problemas na eficiência térmica (PROTESTE no 52, out/06). Em 1999, o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) também já havia aprovado os produtos nesse quesito.

Agora, neste novo teste, encontramos problemas na capacidade das garrafas: elas não conservam o líquido aquecido na temperatura ideal por um período determinado.

Por conta disso, reivindicamos ao Inmetro que retome seus testes oficiais, visando instituir a certificação obrigatória para as garrafas térmicas. Já está mais do que na hora de haver a melhora da qualidade desses produtos no mercado.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e ganhe acesso ao conteúdo exclusivo que reservamos para você!



Imprimir Enviar a um amigo