Notícia

Veja como avaliar a funilaria e pintura

21 setembro 2012

21 setembro 2012

Para não ter surpresas com o passar do tempo, faça uma avaliação detalhada da parte externa do veículo usado antes de comprá-lo.

Após a revisão mecânica do veículo de segunda mão que pretende comprar é preciso analisar toda sua parte externa, que envolve a funilaria e pintura. Confira as dicas que a PROTESTE preparou para você não ter problemas futuros com a lataria.

Parte externa do veículo:

  • Analise o carro limpo, com iluminação natural. Nunca em dias de chuva – a água esconde imperfeições da lataria. Observe se a pintura está homogênea.
  • Parafusos das portas, do capô e do porta-malas com desgaste ou em mau estado indicam que o carro passou por reparos.
  • Verifique se as portas fecham bem e se existe distâncias irregulares entre o vão da porta e ao longo do vão entre o capô e o para-lama.
  • Desconfie do alojamento do motor com ondulações e com pintura nova, parafusos de cores diferentes e solda do motor com fio contínuo (a original de fábrica é pontilhada).
  • Uma maneira de verificar retoques de funilaria e pintura é envolver um pedaço de imã em uma flanela e passá-lo na lataria. Se o imã se desprender é indicativo reparo no local.
  • Atenção aos modelos antigos com peças de modelos mais novos e faróis e lanternas diferentes.
  • Bolhas na pintura podem indicar ferrugem. Locais mais prováveis: sob portas e para-lamas, na carroceria, ao redor das tampas do capô e no porta-malas.
  • Duvide de veículos antigos com pinturas novas e encerados.

Parte interna do veículo:

  • Certifique-se de que os bancos não estão soltos, empenados, rasgados, sujos ou quebrados e se afundam ao sentar. 
  • Verifique o pedal do freio. Se estiver com um grande desgaste, é indicativo de que o veículo tenha uma alta quilometragem.
  • Cheque se o extintor de incêndio está dentro do prazo de validade e em bom estado. Veja também se o macaco, triângulo, chave de roda e cintos de segurança estão em condições aceitáveis de uso.
  • Os acionadores (de vidros e travas) e puxadores devem estar em bom estado. Alguns modelos são difíceis de encontrar.
  • Veja no manual do proprietário se todas as revisões foram realizadas e carimbadas pela concessionária da marca, dentro do limite de tempo/km exigido.

Imprimir Enviar a um amigo