Notícia

PROTESTE luta por obrigatoriedade do Controle de Estabilidade nos carros

04 novembro 2015
Placa

04 novembro 2015

Teste feito com veículos com e sem o sistema de segurança comprovaram a importância do item para redução significativa dos acidentes. Participe da campanha e ajude a torná-lo obrigatório.


Após realização de teste prático com dois veículos do mesmo modelo, sendo uma versão, um com o controle eletrônico de estabilidade e outro sem o sistema, a PROTESTE comprovou a importância desse item constar como obrigatório nos carros brasileiros para proporcionar mais segurança e reduzir em até 50% o número de acidentes fatais

  

A PROTESTE está lançando campanha Carro sob controle, onde lutamos para que esse sistema esteja em todos os carros a partir do segundo semestre de 2017. Assim como conquistamos o airbag e ABS em todos os carros brasileiros, agora precisamos do seu apoio para salvar mais vidas no trânsito. 


QUERO PARTICIPAR


Quanto mais pessoas engajadas maior será nossa força. Participe, compartilhe com seus amigos e divulgue! Respeito à vida não é um item opcional. É obrigatório. 


Teste comprova importância do sistema 


No primeiro teste um piloto profissional fez um desvio de emergência a 70 quilômetros por hora e na versão sem o controle eletrônico de estabilidade ele encontrou dificuldade para manter o controle do veículo. Isso significa que, se não fosse um profissional, teria capotado. Já a versão com o sistema permitiu que o piloto retornasse o veículo para sua trajetória original sem que este perdesse a estabilidade, evitando assim, acidentes. 


No segundo teste foi feito um zigue-zague, em que é provocada uma instabilidade no carro para avaliar o seu comportamento, o controle de estabilidade também se mostrou essencial. Ele perde somente para o cinto de segurança quanto a item mais importante de segurança. 


O resultado do teste comprovou que é importante o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) se sensibilizar, assim como aconteceu com o ABS e com o airbag e dar um prazo até o segundo semestre de 2017 para que todos os carros tenham este item de segurança como obrigatório e não atrelado a um pacote de conforto e de luxo, como ocorre hoje. 

Item é obrigatório em diversos países 


Nos Estados Unidos e na União Europeia, este item já é obrigatório, o que pode evitar mais de 50% dos acidentes fatais. E na Argentina será item de série em 2018. 


“No Brasil, já avançamos na segurança veicular, mas centenas de pessoas ainda morrem todos os dias no trânsito, porque o Controle Eletrônico de Estabilidade só equipa carros de luxo, destaca Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da PROTESTE. “Vamos juntos lutar por mais este direito do consumidor”, completa. 


O Controle Eletrônico de Estabilidade recupera a trajetória do veículo em caso de perda de estabilidade por falta de aderência. Esse sistema passará a ser item obrigatório, a partir de janeiro, para que o veículo ganhe quatro ou cinco estrelas nos testes feitos pelo Programa de Avaliação de Carros Novos (Latin NCAP), do qual a PROTESTE é parceira. 



Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE!


Imprimir Enviar a um amigo