Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Cuidados ao adquirir empréstimo pessoal
O processo de contratação em algumas instituições pode ser caro e bastante burocrático, como no caso de bancos e de financeiras. Uma boa opção para o consumidor são os créditos oferecidos pelas fintechs, que normalmente têm as taxas mais baixas.
11 outubro 2017 |
emprestimo-online

Crédito pessoal

Trata-se de uma das linhas de crédito mais conhecidas porque a sua concessão é bem simples, independe de ter um objetivo especifico, diferente do que acontece no caso de financiamento de automóveis ou de bens (como um eletrodoméstico, por exemplo). A instituição simplesmente libera o dinheiro, não precisa saber o que você fará com essa quantia. O montante máximo liberado vai depender da análise de cada cliente.

Justamente pela facilidade em conseguir este tipo de crédito é necessário ter muito cuidado, pois a oferta é grande, mostra-se muito disponível e até fácil de pagar. Lembre-se, porém, de que o crédito é um recurso que ajuda em um momento de aperto e deve ser usado com cautela, afinal ninguém gosta de pagar juros.
Uma boa opção para o consumidor são os créditos oferecidos pelas fintechs, que normalmente têm as taxas mais baixas por conta de suas estruturas enxutas e principalmente por serem on-line.  

Empréstimo pessoal online

Por esses motivos, a PROTESTE firmou parceria com a Lendico, que oferece empréstimo pessoal on-line seguro e a juros baixos. Clique aqui e conheça as condições para o seu perfil.

E atenção: antes de pedir o empréstimo, não  se esqueça de revisar os seguintes pontos:

  • Eu já tenho uma dívida ou vou adquirir uma?
  • Quanto é o valor da dívida?
  • Para quem eu devo?
  • Quantas parcelas tenho para pagar?
  • Quanto tenho disponível mensalmente para quitar estas dívidas?
  • Que taxa de juros pago atualmente?
  • Tenho nome limpo? (isso implica nas taxas de juros que conseguirá em outros empréstimos e da aprovação ou negação do pedido de empréstimo)
  •  Que alternativas tenho?

Além disso, a PROTESTE preparou uma lista com cuidados básicos para te ajudar a se organizar financeiramente e não precisar usar o crédito pessoal:

  • Tenha sempre uma reserva para possíveis imprevistos (como problemas de saúde, por exemplo).
  • Só se endivide quando for inevitável. Ou seja,  talvez a compra (de um eletro, por exemplo) não seja tão urgente e você possa poupar para pagar à vista, economizando um bom dinheiro, e ainda pode pleitear um desconto.
  • Se pega um empréstimo para pagar outro está na hora de rever todos os seus gastos, e começar a fazer cortes drásticos para conseguir se equilibrar.
  • Se estiver devendo no cartão de credito e já viu que não vai dar para pagar com o salario normal, nesse caso vale mais pegar um empréstimo pessoal do que pagar os juros do cartão.
  • Melhores opções sempre são os empréstimos consignados. Mesmo se você não é aposentado ou pensionista do INSS veja se a sua empresa tem algum convênio com algum banco e pesquise quanto lhe cobrariam.


Gostou deste conteúdo?
Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE! Se você é associado e precisa de ajuda, ligue para nosso Serviço de Defesa do Consumidor pelo 0800 282 2204 (de telefone fixo) ou (21) 3906-3900 (de celular).



Leia também

mensalidade-escolar
guia-supermercados
onde-comprar-materiais-de-construcao-barato
falencia-fabricante

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.