Mais Barato PROTESTE: Utilize nosso plugin e garanta os menores preços, nas melhores lojas!

Empréstimo pessoal on-line é mais vantajoso
Se for realmente preciso, apele para a modalidade. Há menos burocracia e os juros são menores, como comprova o nosso estudo.
10 julho 2017 |
É possível que você já tenha em algum momento pensado em pedir um empréstimo pessoal ou conheça alguém que tenha feito um. O processo, em algumas instituições, pode ser caro e bastante burocrático, como no caso dos bancos e de financeiras. Uma boa opção ao consumidor são os oferecidos pelas fintechs (empresas do setor financeiro que utilizam tecnologia moderna), como a Lendico. As últimas, normalmente, têm as taxas mais baixas por causa de suas estruturas enxutas e, principalmente, por serem on-line

LENDICO: FAÇA UMA SIMULAÇÃO.

Fizemos uma simulação on-line, na semana de 3 a 7 de julho, para saber o quanto o mercado cobra de juros no crédito pessoal. Para uma base de comparação, simulamos para um mesmo perfil um empréstimo no valor de R$ 3.500, em 18 parcelas nos principais bancos e na Lendico. E vimos que, de fato, as taxas são bem altas – chegando a 144,33% ao ano, no Bradesco. Já a Lendico (49,28% ao ano) apresentou o menor Custo Efetivo Total (CET) e, por isso, foi indicada como a escolha certa. Clique aqui para ver o resultado completo do estudo.

Casal

Transação não dever ser feita à toa

O CET do empréstimo na Lendico varia de 2,97% a 7,24% ao mês (42,8% a 133,78% ao ano), dependendo da análise de crédito e da opção de parcelamento feita pelo consumidor – veja a sua taxa. As parcelas podem ser pagas em 12, 18, 24, 30 e 36 meses. De acordo com dados do Banco Central, em março de 2017, o juro médio do mercado foi de quase 10,6% ao mês, ou seja, 234,5% ao ano. Portanto, bem acima do máximo cobrado pela Lendico. E foi justamente por isso que a PROTESTE firmou uma parceria com a fintech.
Mesmo assim, não é para sair por aí fazendo empréstimo sem necessidade. Antes de fazê-lo, é necessário saber qual o tamanho das suas dívidas e que taxas de juros e CET você precisa encontrar para reduzi-las. Quem tem faturas do cartão de crédito em atraso, por exemplo, é massacrado com altas taxas de juros no pagamento rotativo, e até mesmo no parcelamento da fatura. Portanto, o crédito pessoal pode ser uma alternativa. Dessa forma, você troca uma dívida mais cara por uma mais barata. Agora, se concluir que realmente precisa de um empréstimo, a Lendico é a escolha certa. Veja abaixo o que você deve observar e os cuidados a tomar para não se endividar ainda mais. 
 
Check list

FAÇA UM CHECK LIST

Eu já tenho uma dívida ou vou adquirir uma? 
Quanto é o valor da dívida?
Para quem eu devo?
Quantas parcelas tenho para pagar?
Quanto tenho disponível mensalmente para quitar estas dívidas?
Que taxa de juros pago atualmente?
Tenho nome limpo? Isso implica nas taxas de juros que conseguirá em outros empréstimos e da aprovação ou negação do pedido de empréstimo.
Que alternativas tenho?
 
Olho aberto
 
FIQUE DE OLHO!

Tenha sempre uma reserva para possíveis imprevistos, como problemas de saúde, por exemplo.

Só se endivide quando for inevitável, ou seja, talvez a sua compra (de um eletrodoméstico, por exemplo) não seja tão urgente e você possa poupar para pagar à vista, economizando um bom dinheiro e ainda poder pleitear um desconto.

Se estiver devendo no cartão de credito e já viu que não dará para pagar com o salário normal, vale pegar um empréstimo pessoal do que pagar os juros do cartão.

Vale lembrar ainda que se o consumidor precisar renegociar uma dívida que tenha com uma instituição financeira, ele pode contar com o apoio da PROTESTE, através do telefone 0800 282 2204.
 

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE! Se você é associado e precisa de ajuda, ligue para nosso Serviço de Defesa do Consumidor pelo 0800 282 2204 (de telefone fixo) ou (21) 3906-3900 (de celular).

Leia também

conta
img-plano-saude1
cartao

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.