Notícia

Fácil de financiar, difícil para pagar

25 setembro 2012

25 setembro 2012

Veja nossa avaliação geral de satisfação sobre crédito imobiliário em diversos bancos e quais os problemas mais comuns.

Na pesquisa realizada pela PROTESTE para medir a satisfação bancária no Brasil também foram analisados dados sobre os financiamentos imobiliários concedidos pelos bancos e foi constatado que entre os clientes que possuem este tipo de financiamento, 27% são da Caixa Econômica Federal, 23% do Banco do Brasil e 14% do Itaú Unibanco.

O principal motivo que os levou a fazer o financiamento foi à compra da residência principal, que é quitada, em média, após 18 anos. O valor médio solicitado, nesse caso, é de R$ 85.424. Já quem adquiriu um financiamento com o propósito de ter um segundo imóvel (para férias ou investimento) solicitou, em média, R$ 82.980, e afirmou ter quitado o imóvel em apenas 13 anos.

A facilidade de liberação do crédito foi o quesito mais bem avaliado pelos entrevistados, sendo que os clientes do Banco do Brasil também destacaram a competência dos funcionários envolvidos no processo. As modalidades de pagamento também definiram a satisfação dos entrevistados.

A possibilidade de modificação das condições do financiamento é o principal atributo que gerou insatisfação. Mais da metade dos entrevistados que possuem um financiamento imobiliário relataram problemas, sendo o principal deles a obrigação de contratar outros produtos para obter o empréstimo, como seguro (situação mais comum na Caixa Econômica Federal, mas que também acontece em outros bancos).

Vimos também que apenas 11% dos clientes da Caixa que tiveram algum tipo de problema estão muito satisfeitos com a maneira que o banco se propôs a resolver ou a tentar resolver o problema, percentual considerado muito baixo.


Imprimir Enviar a um amigo