Notícia

Como evitar problemas com móveis planejados

02 outubro 2015

02 outubro 2015

Transtornos com prazos, montagens e entrega são frequentes quando se trata de empresas de móveis planejados e trazem uma grande dor de cabeça ao consumidor. Conheça seus direitos e veja como agir para não ser prejudicado.


Comprar móvel planejado requer investimento mais alto do que adquirir já pronto e o você precisa ficar atento e se cercar de cuidados para não ter dor de cabeça com a entrega. São comuns em franqueadas as queixas como demora na entrega, ou incompleta, e falhas na montagem, além de desrespeito a outros direitos do consumidor, e até fechamento da loja.


Quem compra imóvel na planta geralmente prefere contratar o móvel sob medida e pagar parcelado, mas há o risco de quando for mudar para o imóvel os prazos de montagem não serem cumpridos. É preciso se precaver já na contratação, condicionando o pagamento total à finalização do serviço. O ideal é prever já no contrato uma multa caso a empresa desrespeite os prazos de entrega e montagem


O que você precisa fazer

Antes de fechar o contrato assegure-se de que a empresa não tem muitas queixas nas redes sociais e entidades de defesa do consumidor, o que é um indicador de que poderá ter problemas. Também é recomendável ter referência de quem já tenha encomendado serviço da empresa.


Fique atento aos detalhes do contrato, inclusive medições e material a ser utilizado. Exija todas as especificações dos móveis como tamanho, cor, medida, garantia, fabricante, forma de pagamento, data de entrega, montagem. Caso a compra seja para imóvel ainda na planta negocie para constar no contrato previsão de rescisão sem ter que arcar com as parcelas futuras, caso o imóvel não seja entregue, ou o consumidor tenha que devolver por não conseguir pagar.


Problemas não solucionados devem ser tratados na justiça


Saiba que se a loja fechar e for franqueada de uma marca, será possível acionar o franqueador como responsável, para não ficar com o prejuízo. O Código de Defesa do Consumidor prevê a responsabilidade solidária. Para garantir a entrega do produto você pode pleitear na justiça que o fabricante cumpra a obrigação. 


Cheque a situação não só da loja, mas também do fabricante dos móveis também. Peça à loja um site ou um e-mail para monitorar o seu pedido. Mantenha cópia de todos os documentos. Eles serão importantes caso você precise reclamar contra a loja e os fabricantes. Em caso de problemas primeiro formalize queixa no próprio estabelecimento dando prazo para solucionarem


Caso o problema persista, você pode obter assistência e orientações mais detalhadas sobre como proceder entrando em contato com a PROTESTE pelos telefones (11) 4003-3907 (Para o Estado de São Paulo), (21) 3906-3900 (Demais Estados) ou 0800-201-3900 (Para telefones fixos de São Paulo).


Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE!


Imprimir Enviar a um amigo