Notícia

Guia de férias seguras ajuda a evitar problemas

26 junho 2015

26 junho 2015

O guia de férias seguras lançado pela PROTESTE aponta como ter segurança em trilhas, respeitar o meio ambiente e acampar sem problemas.

Para que as férias sejam mais tranquilas, com muito descanso e diversão, a PROTESTE está lançando o Guia das Férias Seguras com dicas para arrumar as malas, escolher o que vestir e o que levar, ter mais segurança em trilhas, respeitar o meio ambiente e acampar sem problemas.

O objetivo da publicação Guia das Férias Seguras é evitar que se perca muito tempo com as providências, para que se saia de casa pronto para aproveitar ao máximo os passeios e as aventuras. Para quem pretende fazer turismo de bicicleta são detalhados, por exemplo, tudo que é preciso considerar.


Com as dicas do Guia é possível aproveitar bem cada minuto das férias, e armazenar bastante energia para dar conta da agenda diária quando voltar para sua rotina.


O Guia orienta como programar o roteiro incluindo preocupações ambientais e divertir-se de maneira mais responsável e consciente. É possível conhecer outras cidades sem criar problemas ambientais, mantendo atitudes sustentáveis.


Para adotar uma postura responsável também enquanto viaja deve-se respeitar o meio ambiente e favorecer a economia local e o desenvolvimento das comunidades que se esteja visitando.


  • Pesquise se os locais que você está cogitando conhecer oferecem meios de transporte, acomodações, tratamento de lixo e esgoto e políticas sustentáveis em parceria com as comunidades.
  • Faça busca em sites especializados em ecoturismo e turismo sustentável, que auxiliam a escolher destinos que permitam verdadeiras experiências de aprendizado e benefícios recíprocos, tanto para o viajante como para as comunidades.
  • Escolha as operadoras de turismo, pousadas e hotéis comprometidos com o desenvolvimento sustentável do município, que evitem danos ambientais e que façam uso mais eficiente dos recursos.
  • Dê preferência aos prestadores de serviços locais, para viabilizar o desenvolvimento econômico, com distribuição de renda, dando mais oportunidades de inserção social à população da área visitada.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e ganhe acesso ao conteúdo exclusivo que reservamos para você!



Imprimir Enviar a um amigo