Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Aquecedor: como fizemos o teste
Rendimento, consumo, orientação de uso e instalação e qualidade das informações dos manuais de instrução foram avaliadas.
08 maio 2014 |
teste
Testamos dez modelos de aquecedores de passagem a gás, nas versões gás natural (GN) e gás liquefeito de petróleo (GLP), com exaustão natural e vazão de 14,5 a 16 litros por minuto.

Em laboratório, avaliamos itens como:
Rendimento: corresponde à eficiência do aparelho, ou seja, o quanto de gás ele consegue queimar para aquecer a água. 
Consumo e a vazão de gás: avaliamos o consumo anual de gás dos produtos, simulando uma família de quatro pessoas, tomando um banho de 15 minutos cada uma, com a vazão nominal e a potência máxima do produto.
as orientações de uso e instalação
a qualidade das informações dos manuais de instrução
Segurança: avaliamos a possibilidade de vazamento de monóxido de carbono e a concentração do gás liberado pelo equipamento no meio ambiente. 

Os modelos e as marcas testadas foram:

Gás natural:

Komeco KO151BFGN1

Bosch GWH300

Lorenzetti LZ1600N

Rinnai REU 157 BR

Orbis 3154HFBN



GLP:

Komeco KO15F1BFLP1

Bosch GWH 300 Plus DE

Lorenzetti LZ1600N

Orbis 315HFBE

Rinnai REU 157 BR

Leia também

Zoom de cartão de crédito
economizar
conta
dúvidas

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.