Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Apps de mensagens instantâneas: bons para se comunicar sem gastar
Avaliamos os seis principais aplicativos para smartphones que permitem conversas via texto (e até voz e vídeo) e eles são uma boa alternativa para você se comunicar sem ter gastos. Confira nossa análise com as particularidades de cada um e veja qual a melhor opção para você.
08 setembro 2015 |

Se você pedir a um adolescente que lhe envie um torpedo, possivelmente ele fará um olhar de total incompreensão. E se você pedir um SMS então, aí é que compreender fica ainda mais complicado. A moda agora é a troca de mensagens de texto e voz, por meio de aplicativos instalados nos smartphones. Para avaliar a melhor opção, em nosso teste, tivemos como objetos de estudo os aplicativos: Facebook Messenger, Hangouts (GTalk), Line, Skype, Viber e WhatsApp.

Atualmente os aplicativos de mensagem e voz sobre ip facilitam tanto nossa comunicação diária que é quase impossível imaginar nossa rotina sem eles. Você sabia que as operadoras de telefonia estão tentando bloquear o uso de aplicativos como Whatsapp? Não permita que isso aconteça! 

Não podemos ter nossos direitos restringidos pelos interesses comerciais das operadoras. Entre nessa luta junto com a PROTESTE. Assine a petição online, compartilhe com seus amigos e juntos, somaremos forças para garantir nossos direitos


Como fizemos o teste

Avaliamos as versões gratuitas de seis aplicativos de envio de mensagens mais usados: Facebook Messenger, Hangouts (GTalk), Line, Skype, Viber e WhatsApp em suas versões para Android e iOS (iPhone). E para mostrar qual é a melhor opção, como critérios de análise, levamos em consideração:
  • Usabilidade: Verificamos se os aplicativos possuem opções para bloquear um usuário, se é possível saber se alguém está on-line e se permitem o envio de arquivos em formatos variados.
  • Personalização: Vimos se os aplicativos permitem alterar a fonte, o plano de fundo nas caixas de diálogo e o toque de chamada.
 


Maioria dá explicação correta sobre o uso

Começamos verificando a qualidade das informações disponibilizadas nas lojas Play Store e AppStore. No iOS, nenhum traz orientações em vídeos. Já no Android, apenas o Skype tem essa facilidade. Todos os aplicativos, com exceção do Line para Android, explicavam que o uso da Internet pode gerar cobranças caso sejam usados os dados do aparelho celular. 

Além de não trazer essa informação, o Line ainda dizia "Grátis chamada de voz e de vídeo!", "Grátis chamadas internacionais", sem mencionar que, para as mensagens e ligações serem grátis, o outro usuário precisa estar com o aplicativo instalado e com Internet no smartphone

Já no iOS, o Line traz corretamente essa informação. Tirando essa questão pontual, você não terá problemas para encontrar as informações de que precisa para usar os aplicativos ou entrar em contato com os desenvolvedores. 

Hangouts e Facebook complicam cadastro 


Você também não encontrará dificuldades para configurá-los. Nenhum aplicativo tem tempo maior do que quatro minutos para a realização do cadastro e da configuração inicial. Contudo, alguns podem complicar esse momento. O Facebook Messenger exige que você faça o cadastro na rede social do Facebook, o que o obriga a sair do aplicativo e ir para o navegador de Internet para isso. 

No Hangouts para iOS, também é pedido que a conta seja criada no navegador. No Android, essa exigência não existe porque esse sistema é do mesmo desenvolvedor do Hangout, o Google. Então, você pode utilizar o mesmo cadastro que usou na loja Play Store.




 Skype permite envio de arquivos de formatos variados

Tudo instalado e configurado, é hora de encontrar o contato dos seus amigos. O único que complica essa ação é o Skype. Ao adicionar um amigo, você não recebe qualquer informação de que a interação ocorreu adequadamente. Em todos os outros, esse processo foi bem fácil. No quesito usabilidade, a maior restrição é quanto ao envio de arquivos de vários formatos, algo que só o Skype permite. Contudo, o envio de vídeo só não é possível no Hangouts para Android. Mas todos permitem o envio de fotos.

Whatsapp é único com silenciador para contatos

O silenciador, aquele recurso para evitar receber notificações de algum contato que passa o dia enviando mensagens só está disponível no WhatsApp, tanto para grupos quanto para contatos.  No Skype a função não está disponível, e no Viber, funciona somente para grupos. Logo, nesses últimos se precisar silenciar um contato, a única opção é bloqueá-lo.

Quanto à informação de contatos on-line, o aplicativo Line é o único que não informa se há um amigo on-line e se ele está digitando uma mensagem. Já no Facebook Messenger e Hangouts a informação é representada somente por “...”. Portanto, se você faz uso desses aplicativos e não tinha ideia do que eram essas reticências, elas indicam que a pessoa que você conversa está digitando uma mensagem

O Hangouts é o único que não reenvia mensagem que não foi entregue ao destinatário por falta de rede – você precisa solicitar manualmente o reenvio. E sua versão para iOS não informa se o seu amigo leu a mensagem, assim como o Skype, para ambos os sistemas operacionais. E se você não tem paciência para digitar longos textos e é adepto das mensagens de voz, Hangouts e Skype não lhe servem porque não possuem essa funcionalidade.



WhatsApp e Viber  são as melhores alternartivas

Se você quer fazer uma ligação usando esses aplicativos, boa notícia: todos possuem esse recurso. Mas se a ligação é por vídeo, o WhatsApp é o único a não fazer isso. O desempenho dos aplicativos para ligações foi considerado bom e nenhum travou durante o teste. Ao final, os melhores aplicativos foram WhatsApp e Viber, por serem mais completos e possuírem boa usabilidade. Mas todos são ótimas alternativas para se comunicar com baixo custo.

 
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE!

 

Leia também

festa junina
economizar
distrato

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.