Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Como usar e adicionar seu cartão no Apple Pay
Recém-lançado pela Apple, plataforma de pagamentos móveis permite pagamentos diretos pelo smartphone. Siga nosso passo-a-passo e comece a utilizar o sistema!
04 abril 2018 |
apple-pay

Usuários de aparelhos feitos pela Apple têm mais um motivo para comemorar! Acontece hoje, no Brasil, o lançamento da plataforma Apple Pay

O sistema de pagamentos móveis da Apple permite que os usuários façam compras diretamente pelo aparelho, sem a necessidade tirar o cartão de crédito da carteira.

iPhones e outros aparelhos com os melhores preços, você encontra aqui!

Antes de sair às compras, no entanto, é necessário cadastrar um cartão válido na plataforma — num primeiro momento só serão aceitos cartões de crédito dos tipos Nacional, Internacional, Gold, Platinum, Black e Infinite nas bandeiras Mastercard e Visa , todos emitidos pelo Itaú. Confira a seguir o passo a passo de como adicionar o seu cartão no Apple Pay:


Como fazer o pagamento

Para efetuar o pagamento, basta encostar o smartphone da Apple (a partir do iPhone 6, iPhone SE ou superior), Apple Watch ou iPad em terminais equipados com a tecnologia NFC — eles serão sinalizados com adesivos.

Para confirmar a transação, o consumidor precisa usar a impressão digital, no caso de iPhones e iPads, ou fazer a autenticação via reconhecimento facial, no iPhone X. Esses procedimentos substituem a digitação da senha do cartão.

Se o aparelho escolhido for o relógio inteligente, basta clicar duas vezes no botão lateral e aproximá-lo da maquininha de pagamento.

De acordo com a Apple, 80% dos donos de Apple Watch já utilizam a facilidade para efetuar pagamentos no exterior.

 

Como foi nossa experiência ao se cadastrar e utilizar a Apple Pay

Pela manhã, no site do Itaú, todos os vídeos explicativos sobre o sistema estavam fora do ar. Na parte da tarde, a situação se normalizou e os vídeos passaram a funcionar corretamente. Além disso, os links para o suporte da Apple e que mostravam os cartões compatíveis com o sistema, também presentes no site do banco, não estavam funcionando.

Ao tentar cadastrar o cartão no Wallet, foi solicitada a abertura do app do Itaú, mas nada aconteceu. Ao entrarmos em contato com a central de atendimento do banco, uma atendente nos foi informou erroneamente que os únicos cartões compatíveis com Apple Pay eram o Itaucard Personnalité Master e o Black Master.

Depois de vários testes, identificamos que era necessário “forçar” a atualização do app do Itaú, visto que este não estava na lista de apps para atualizar. Após a atualização, conseguimos cadastrar no Wallet utilizando um cartão Uniclass Platinum Mastercard.

Para testar a Apple Pay como forma de pagamento, visitamos quatro estabelecimentos na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Todos informaram que não sabiam da existência do serviço. 

Um deles não tinha equipamento para realizar a transação; outro estabelecimento se recusou a fazer o pagamento via celular; em uma terceira loja, tentamos utilizar a plataforma, porém aconteceu um erro informando que o cartão havia sido removido; e, em somente em um deles, foi possível fazer a transação.

O pagamento foi realizado com muita facilidade. Bastou o lojista pegar a máquina que contém o símbolo abaixo, depois colocar o valor a ser pago, selecionar a opção crédito, informando se a compra seria feita à vista ou parcelada, e entregar a máquina para o nosso especialista consumidor. Por fim, este precisou abrir o Wallet, clicar no cartão, aproximar o celular da máquina e usar a digital para realizar o pagamento. 

applepay-logos-horiztonal-sf-font

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE! Se você é associado e precisa de ajuda, ligue para nosso Serviço de Defesa do Consumidor pelo 0800 282 2204 (de telefone fixo) ou 4003-3907.

Leia também

apple
gps-dois
minimo-cartao
celular-perdido

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.