Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Conheça a avaliação do sinal 3G feita pela Anatel
A PROTESTE embasou as ações contra as operadoras nos resultados de medição da Anatel que ficaram abaixo da meta. Confira aqui quais são os estados com velocidade de Internet abaixo do esperado.
11 março 2014 |

O levantamento mensal feito pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) comprova as falhas das operadoras e inclui medições da banda larga móvel em 16 estados, em dois quesitos: velocidade instantânea e velocidade média. Nestas avaliações, as empresas têm que oferecer:

  • Velocidade instantânea em pelo menos 95% das medições.
  • 70% de velocidade média durante o acesso.
  • Apresentar velocidade de, no mínimo, 20% do que foi contratado.
  • A velocidade média medida durante o mês deve alcançar 60% da velocidade contratada.

Para a avaliação da banda larga móvel, são acompanhados dois indicadores:

  • Taxa de transmissão instantânea: velocidade de upload download apurada no momento de utilização da Internet pelo usuário.
  • Taxa de transmissão média: média das medições de velocidade instantânea apuradas durante o mês.

A PROTESTE embasou a ação nos resultados abaixo da meta (velocidade instantânea ou velocidade média) apresentados pelas operadoras em 2013. Confira os resultados da medição da qualidade da banda larga móvel no país no mês de dezembro:

 

  • TIM foi à operadora com mais indicadores abaixo da meta, com 16 ocorrências. 
  • A Oi obteve o segundo pior resultado na banda larga móvel, com 11 indicadores abaixo da meta.
  • Vivo não alcançou as metas em 8 casos.
  • Claro não alcançou as metas em 6 casos.

Os estados da região Norte, são os que mais apresentam números bem abaixo das metas. Enquanto as metas para as velocidades instantânea e média são de 95% e 70%, respectivamente, várias operadoras obtiveram resultados que ficaram abaixo de 50% em diversos estados: Acre, Amapá, Amazonas e Roraima. 

Em setembro os Estados e as Operadoras que descumpriram as metas foram:

 

  • Alagoas - OI.
  • Bahia - OI e Tim.
  • Espírito Santo - Tim e VIVO.
  • Rio de Janeiro – Tim e VIVO.
  • Santa Catarina - VIVO.
  • São Paulo – Tim.
  • Sergipe – OI.

Em outubro os Estados e as Operadoras que descumpriram as metas foram:

 

  • Alagoas – Oi.
  • Bahia - OI e Tim.
  • Espirito Santo – Tim.
  • Paraná – Vivo.
  • Rio de Janeiro – Tim e VIVO.
  • Santa Catarina – VIVO.
  • São Paulo – Tim.
  • Sergipe – OI.

E em novembro os Estados e as Operadoras que descumpriram as metas foram:

 

  • Acre – Oi, Tim e Vivo.
  • Alagoas – Oi e Vivo.
  • Amapá – Claro, Oi, Tim e Vivo.
  •  Amazonas – Oi, Tim e Vivo.
  • Bahia - Oi, Tim e Vivo.
  • Distrito Federal – Tim.
  • Espírito Santo – Tim.
  • Minas Gerais – Algar, Oi e Tim.
  • Paraná – Tim e Vivo.
  • Rio de Janeiro – Claro, Tim e Vivo.
  • Rio Grande do Sul – Claro e Vivo.
  • Rondônia – Oi, Tim e Vivo.
  • Roraima – Claro, Oi, Tim e Vivo.
  • Santa Catarina – Vivo.
  • São Paulo – Tim.
  • Sergipe – Oi.

Em dezembro os Estados e as Operadoras que descumpriram as metas foram:

  • Acre – Oi, Tim e Vivo.
  • Alagoas – Tim e Vivo.
  • Amapá – Claro, Oi, Tim e Vivo.
  • Amazonas – Oi e Tim.
  • Bahia - Oi, Tim e Vivo.
  • Distrito Federal - Tim e Vivo.
  • Espírito Santo – Tim.
  • Minas Gerais – Tim.
  • Rio de Janeiro – Claro, Tim e Vivo.
  • Rio Grande do Sul – Claro.
  • Rondônia – Oi e Tim.
  • Roraima – Claro, Oi, Tim e Vivo.
  • Santa Catarina – Vivo.
  • São Paulo – Tim e Sergipe – Oi.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e ganhe acesso ao conteúdo exclusivo que reservamos para você!

 

 

 

Leia também

plano-de-celular
blackfridaynote
bitcoin-criptografia
img-plano-saude1

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.