Mais Barato PROTESTE: Utilize nosso plugin e garanta os menores preços, nas melhores lojas!

Galaxy S8 e S8+ não são duros na queda
Levamos os novos top de linha da Samsung ao laboratório e vimos que eles têm tudo para agradar. Mas cuidado: o alto valor que você vai pagar pode se quebrar em pedacinhos!
12 maio 2017 |
celular
Os novos super smartphones da Samsung já estão à venda nos sites e em algumas lojas físicas por um valor bem mais barato em comparação ao lançamento. O Galaxy S8 pode ser encontrado por R$ 3.399, R$600 reais mais barato, e o S8+ por R$ 3.747, R$652 mais barato do que no lançamento. Em nossos testes, vimos que esse grande investimento pode valer a pena: os celulares, realmente, são top! Porém, descobrimos um ponto muito negativo: um simples tombo pode estilhaçá-lo facilmente. 

Para descobrirmos isso, utilizamos uma máquina que realiza repetidamente 50 rotações, totalizando 100 quedas de 80 cm. A grande maioria dos smartphones que avaliamos cotidianamente passa neste teste de queda. Só que o S8 e o S8+ foram reprovados nessa prova, ficando com as suas telas bastante quebradas. Fácil de explicar: como os aparelhos são quase completamente feitos de vidro, tanto na parte frontal quanto na traseira, e têm bordas bem finas, sua resistência acabou ficando fragilizada.

Se ainda assim você quiser se arriscar a pagar caro por esse produto top de linha, saiba que será imprescindível usar capa de proteção e colocar película na tela. E, caso você seja do tipo estabanado, redobre seus cuidados para não deixar o aparelho tomar tombos. Senão, será um desperdício de dinheiro. Quem avisa amigo é! 

celular

Bateria não decepciona 

Vamos agora aos pontos positivos? Testamos a bateria colocando o celular para rodar vídeos na Internet, utilizar o GPS, fazer ligações de voz, tirar fotos e, também, ficar no modo stand-by. O Galaxy S8 durou 25 horas e meia, enquanto o Galaxy S8+, 30 minutos a mais. Se comparado com os modelos anteriores, a bateria deles é melhor do que a do S7 (que dura 24h30min), mas inferior à do S7+, que, em nossos testes, permaneceu funcionando por 30 horas.

Na hora de carregá-la, contudo, os lançamentos são mais rápidos: a bateria fica completamente cheia em 1h40min – cinco minutos a menos que a linha S7. Vale saber, ainda, que o S8 e S8+ possuem a entrada USB tipo-C, que, além de ser melhor para envio de dados, permite que o carregador seja encaixado no aparelho por ambos os lados. Chega, portanto, de ficar procurando qual é o lado certo para colocar para carregar. 

celular-2

Câmera se mantém boa 

Em relação à câmera, a Samsung decidiu não mexer em time que está ganhando. Então, repetiu o mesmo modelo – tanto traseiro quanto frontal – do S7 e S7 Edge. Em nossos testes, já tínhamos constatado que é uma ótima câmera, sendo considerada boa em quase todos os critérios de nossa avaliação. Ainda assim, por se tratar de um modelo novo, nossa expectativa era de que fosse ainda melhor. Mas, tudo bem, você não irá se decepcionar.

Já na parte da estrutura, o fabricante resolveu inovar. Um diferencial da Samsung era seu botão home na parte da frente do aparelho. Mas, agora, todos os botões frontais (que eram físicos ou por aproximação) estão diretamente na tela. Para quem tem Android Puro, como os aparelhos da Motorola/Lenovo, já sabe como funciona. 

Com a mudança do botão home, o sensor de digital de ambos os aparelhos foi para a parte traseira do celular. E vale uma crítica quanto a isso: não está tão agradável achar o local certo para registrar a digital, porque agora se encontra exatamente do lado da câmera. A situação piora um pouco com o Galaxy S8+: como o seu corpo é mais alongado, posicionar o dedo no sensor de digital pode ser bastante difícil. 

celular3

Desbloqueio, espaço e promoções 

Para realizar o desbloqueio, os aparelhos contam com escaneamento da íris. Vimos que é fácil de utilizar e funciona, inclusive, com pessoas que usam óculos. Porém, se a luz do sol estiver forte, o leitor não funciona de forma ideal.

Quanto ao espaço disponível, tanto o S8 quanto o S8+ indicam 64 GB de espaço livre. Mas saiba que, na realidade, você só terá disponível 53,9 GB. Porém, não se decepcione: assim como todos os outros aparelhos da marca, há um consumo de quase 10 GB somente com apps nativos da Samsung, Android e modificações do próprio fabricante.

E então? Está mesmo disposto a adquirir o lançamento? Então saiba que há condições especiais para a troca. A Samsung, em parceria com o Trocafone, está dando descontos para quem oferecer seu celular como entrada no pagamento do Galaxy S8 e S8+. Informe-se com um representante da Samsung em suas lojas físicas. No site também há descontos para quem pagar à vista.

Leia também

onix
dúvidas
conta
alimentação

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.