Notícia

TV 3D: como funciona

13 junho 2012

13 junho 2012

Mecanismo da ilusão de três dimensões é mais complexo do que nos cinemas. Embora ainda caros, preços de televisores começam a cair no país

Mesmo com preço ainda elevado, girando em torno de R$ 3 mil, os aparelhos de TV capazes de reproduzir filmes em três dimensões já estão mais acessíveis se comparados aos R$ 9 mil que costumavam custar há pouco mais de um ano. No Brasil, os modelos mais comprados são os da Samsung, seguidos por Sony, Panasonic e LG. Mas a tecnologia adotada pelos aparelhos domésticos, entretanto, é um pouco diferente da tela grande.

Como vemos uma imagem 3D de verdade

No mundo real, as imagens no olho esquerdo são um pouco diferentes do que a mesma imagem vista pelo olho direito. Para enxergarmos, o cérebro humano “junta” as duas imagens. A distância, o ângulo dos olhos, o lugar do objeto em relação ao fundo e o tamanho dele em relação a objetos próximos são o que criarão uma imagem real em 3D.

Porém, gravando (ou criando) duas imagens com pequenas diferenças no ângulo de visão e apresentando-as simultaneamente na tela da TV podem criar um efeito 3D. Contudo, ver as duas imagens ao mesmo tempo faz com quem a imagem fique muito borrada, porque muitas partes dos objetos serão vistas dobradas.

Como a TV monta a imagem 3D

Para prevenir que os olhos vejam as imagens simultaneamente, você tem que usar óculos especiais para filtras as imagens.

No caso da TV 3D, os óculos devem ser ligados e passam a receber um sinal infravermelho de sincronização com a TV. Então, se a TV mostra uma imagem para o olho esquerdo, a parte do olho esquerdo dos óculos fica transparente e a do olho direito é escura. O mesmo acontece quando a TV emite uma imagem para o olho direito. É essa sincronização que impede a exibição ao mesmo tempo e possibilita a ilusão 3D.

Essa troca entre as imagens do olho esquerdo e do direito é muito rápida, geralmente 30 vezes por segundo. Se ela fosse menor, perceberíamos a tela piscar.

Filme, aparelho reprodutor e TV precisam ser 3D

É interessante dizer que, para assistir os efeitos 3D, o aparelho que irá ler o disco (Blu-ray ou DVD) deve ser compatível também com essa tecnologia, assim como o filme.


Imprimir Enviar a um amigo