Notícia

Vale a pena comprar

29 julho 2010

29 julho 2010

Qualidade na reprodução faz o (baixo) investimento valer a pena.

Graças à preferência dos brasileiros pelas TVs LCD e Led, o Blu-ray player está cada vez mais popular. E não é para menos. Além da compatibilidade com esses televisores – o que proporciona ao consumidor maior qualidade de imagem e som – um aparelho Blu-ray consome pouca energia (tanto no modo stand-by quanto ligado).

Para testarmos a reprodução das imagens, comparamos a exibição de um disco Blu-ray com o de um DVD, lido através da função upscaling, que aumenta artificialmente a  qualidade da imagem. A imagem criada ainda é inferior à gerada pelo Blu-ray, mas é melhor que a reproduzida pelo aparelho de DVD.

Imagem superior

Qualidade do som

Nesse quesito, todos os aparelhos foram bem avaliados.

Falhas de disco

Os aparelhos se saíram bem ao reproduzir discos com falhas (arranhões, sujeira e gordura). O destaque foi o Samsung, que reproduziu discos Blu-Ray nessas condições, ao contrário de Panasonic e Sony. Nos DVDs com falhas, os melhores foram Philips e TecToy.

Inicialização

Verificamos o tempo que os leitores levam para iniciar a reprodução do disco. Tanto para Blu-

Ray, DVD e CD, os aparelhos Philips e TecToy foram os mais rápidos.

Versatilidade

Todos os aparelhos possuem entradas HDMI, vídeo composto, vídeo componente, áudio externo, conexão de rede e entrada USB. Panasonic também possui entrada para cartão de memória. Todos reproduzem as mídias mais comuns que são o Blu-Ray, DVD-Video e o CD.

Controle Remoto

Todos os modelos são de fácil operação e de simples acesso às funções básicas, com destaque para Sony e Panasonic.

Preço camarada

De modo geral, os preços dos aparelhos compensam. E se você optar por nossa Escolha Certa, pode economizar até R$ 290, se comparado ao modelo mais caro entre os testados.


Imprimir Enviar a um amigo