PROBLEMA COM MOTO G6 [PÉSSIMO PRODUTO E PÉSSIMA PÓS VENDA]

MOTOROLA INDUSTRIAL LTDA


Esta reclamação é pública

  • Thamires V Para MOTOROLA INDUSTRIAL LTDA

    antes de comprar pesquise a reputação da empresa Menu Olá, thamires Veja também: PROBLEMA COM MOTO G6 [PÉSSIMO PRODUTO E PÉSSIMA PÓS VENDA] Motorola do Brasil São Paulo - SP ID: 41842387 11/01/19 às 15h40 denunciar Não liga Celular Celulares e Smartphones Status: Não respondida Não Respondida Prezados, No dia 10/10/18, adquiri um celular MOTO G6 nas Casas Bahia do Shopping Interlagos. Para minha ingrata surpresa, em menos de 2 (dois) mês de uso 22/12/2018, o celular em questão, apresentou um problema grave, pois a tela apagou, no entanto continuou vibrando e dando sinal de estar ligado. No dia 02/01/2019, levei o produto em questão na assistência técnica autorizada da Motorola (HELP - Tatuapé sob a ordem SOBR6140011901020055), no local foi preenchida uma ficha no sistema e pediram para deixar o aparelho que eles iriam avaliar dentro de até 48 horas. No dia seguinte recebi a notificação que o sistema havia liberado a retirada do aparelho, no entanto quando cheguei no local, imaginando que teria meu aparelho consertado, o atendente me apresentou um laudo (este que apresenta diversas controversas) e disse que a assistência havia encontrado indícios de oxidação da placa, ou seja, que o aparelho teria tido contato com a água, suor ou vapor (isso não ocorre de um dia para o outro) e que o seu conserto não tinha cobertura pela garantia. Prontamente eu questionei, pois o aparelho não tinha 60 dias de uso e eu tenho muito cuidado com meus aparelhos, mas não obtive uma retratação da assistência. Convenhamos, 95% da população brasileira, assim como eu, não tem R$ 1.500,00 para comprar um aparelho por mês, e utilizar de forma extrema como afirmam, além da constatação do absurdo em termos de qualidade, quando pensamos em uma empresa como a Motorola, que fatura US$ 1,288 bilhão e não se atenta na qualidade de seus componentes, na qualidade do produto final, no uso de seu cliente e muito menos no pós venda, ponto sensível e incontestável quando se fala de fidelidade de cliente. Voltando ao caso em especifico, afirmo categoricamente que o aparelho nunca foi molhado, nem teve contato com água ou vapor, não posso afirmar com suor, pois quando se trata de um aparelho celular, há um contato permanente com as palmas da mão, que biologicamente produz suor. Peço a Motorola que por favor não tenham a ação temerária de apontar este fator (suor) como motivo chave de sua falta de competência técnica de desenvolvimento de produtos. Ao verificar o próprio site do Reclame Aqui, pode-se observar uma ação clara de abstinência de culpas técnicas a qual a Motorola se propôs no mercado brasileiro, pois em 90% dos casos listados, tem a "oxidação da placa" como motivo chave para exclusão de responsabilidades da fabricante. Vale relembrar ao SAC da Motorola que fará este atendimento, que a garantia legal é estabelecida pelo CDC (Código de Defesa do Consumidor) e independe de previsão em contrato. A lei garante e ponto. Assim, você tem 30 dias para reclamar de problemas com o produto se ele não for durável (um alimento, por exemplo), ou 90 dias se for durável (uma máquina de lavar, por exemplo). O prazo começa a contar a partir do recebimento do produto, além disso, esta claro neste caso, o VICIO OCULTO - aquele defeito que só se mostra depois de um certo tempo de uso do produto - prazo da garantia legal começa a contar a partir do momento em que esse defeito é constatado, ou seja, esta clara a obrigação da MOTOROLA, arcar Passado este episódio e algumas tentativas de solução sem sucesso junto ao SAC da Motorola por telefone, estou tentando pela última vez a solução de uma forma amigável, espero ter um contato telefônico o mais breve possível para a resolução, pois, se me enviarem a resposta padrão "A Motorola sente muito" ou "Vamos ajudar com orçamento pela fábrica" não vou ter nenhuma duvida em entrar com as medidas judiciais contra a MOTOROLA, por danos materiais e morais, pois nenhum consumidor merece passar por este transtorno, quando todas as provas apontam para dois fatores - má qualidade dos componentes para uso normal e consequentemente o vicio oculto. Aguardarei a resolução do problema dentro dos próximos 5 dias com o contato pela MOTOROLA.

    Descrição da reclamação

    antes de comprar pesquise a reputação da empresa Menu Olá, thamires Veja também: PROBLEMA COM MOTO G6 [PÉSSIMO PRODUTO E PÉSSIMA PÓS VENDA] Motorola do Brasil São Paulo - SP ID: 41842387 11/01/19 às 15h40 denunciar Não liga Celular Celulares e Smartphones Status: Não respondida Não Respondida Prezados, No dia 10/10/18, adquiri um celular MOTO G6 nas Casas Bahia do Shopping Interlagos. Para minha ingrata surpresa, em menos de 2 (dois) mês de uso 22/12/2018, o celular em questão, apresentou um problema grave, pois a tela apagou, no entanto continuou vibrando e dando sinal de estar ligado. No dia 02/01/2019, levei o produto em questão na assistência técnica autorizada da Motorola (HELP - Tatuapé sob a ordem SOBR6140011901020055), no local foi preenchida uma ficha no sistema e pediram para deixar o aparelho que eles iriam avaliar dentro de até 48 horas. No dia seguinte recebi a notificação que o sistema havia liberado a retirada do aparelho, no entanto quando cheguei no local, imaginando que teria meu aparelho consertado, o atendente me apresentou um laudo (este que apresenta diversas controversas) e disse que a assistência havia encontrado indícios de oxidação da placa, ou seja, que o aparelho teria tido contato com a água, suor ou vapor (isso não ocorre de um dia para o outro) e que o seu conserto não tinha cobertura pela garantia. Prontamente eu questionei, pois o aparelho não tinha 60 dias de uso e eu tenho muito cuidado com meus aparelhos, mas não obtive uma retratação da assistência. Convenhamos, 95% da população brasileira, assim como eu, não tem R$ 1.500,00 para comprar um aparelho por mês, e utilizar de forma extrema como afirmam, além da constatação do absurdo em termos de qualidade, quando pensamos em uma empresa como a Motorola, que fatura US$ 1,288 bilhão e não se atenta na qualidade de seus componentes, na qualidade do produto final, no uso de seu cliente e muito menos no pós venda, ponto sensível e incontestável quando se fala de fidelidade de cliente. Voltando ao caso em especifico, afirmo categoricamente que o aparelho nunca foi molhado, nem teve contato com água ou vapor, não posso afirmar com suor, pois quando se trata de um aparelho celular, há um contato permanente com as palmas da mão, que biologicamente produz suor. Peço a Motorola que por favor não tenham a ação temerária de apontar este fator (suor) como motivo chave de sua falta de competência técnica de desenvolvimento de produtos. Ao verificar o próprio site do Reclame Aqui, pode-se observar uma ação clara de abstinência de culpas técnicas a qual a Motorola se propôs no mercado brasileiro, pois em 90% dos casos listados, tem a "oxidação da placa" como motivo chave para exclusão de responsabilidades da fabricante. Vale relembrar ao SAC da Motorola que fará este atendimento, que a garantia legal é estabelecida pelo CDC (Código de Defesa do Consumidor) e independe de previsão em contrato. A lei garante e ponto. Assim, você tem 30 dias para reclamar de problemas com o produto se ele não for durável (um alimento, por exemplo), ou 90 dias se for durável (uma máquina de lavar, por exemplo). O prazo começa a contar a partir do recebimento do produto, além disso, esta claro neste caso, o VICIO OCULTO - aquele defeito que só se mostra depois de um certo tempo de uso do produto - prazo da garantia legal começa a contar a partir do momento em que esse defeito é constatado, ou seja, esta clara a obrigação da MOTOROLA, arcar Passado este episódio e algumas tentativas de solução sem sucesso junto ao SAC da Motorola por telefone, estou tentando pela última vez a solução de uma forma amigável, espero ter um contato telefônico o mais breve possível para a resolução, pois, se me enviarem a resposta padrão "A Motorola sente muito" ou "Vamos ajudar com orçamento pela fábrica" não vou ter nenhuma duvida em entrar com as medidas judiciais contra a MOTOROLA, por danos materiais e morais, pois nenhum consumidor merece passar por este transtorno, quando todas as provas apontam para dois fatores - má qualidade dos componentes para uso normal e consequentemente o vicio oculto. Aguardarei a resolução do problema dentro dos próximos 5 dias com o contato pela MOTOROLA.

    Solução esperada

    O reparo do componente defeituoso ou a substituição do produto por um novo.

    Método de compra
    Loja
    Documentos em anexo
    Não há arquivos anexados

Precisa de ajuda?

Nossos especialistas podem te orientar.

Ligue para 4020-7747

De segunda a sexta das 9h às 18h.