Notícia

Colchão de tirar o sono

30 outubro 2012

30 outubro 2012

Não se deixe enganar por tudo que vê no mercado. Você pode pagar caro por um produto que vai te dar pesadelos.

O mercado está repleto de oferta de colchões que prometem resolver milagrosamente qualquer problema muscular. Para tanto, eles se valem de algumas características extras além da espuma tradicional ou das molas, como magnetismo (com uso de pastilhas magnéticas), raios infravermelhos longos, terapias quânticas e vibroterapia. Cuidado, não acredite em tudo o que vê por aí, pois não existe colchão que faça milagres.

 

Veja o que você precisa saber para não ser enganado.

 

Magnetismo – Existem poucas evidências da eficácia do magnetismo para alívio da dor. Diversos estudos mostraram que as terapias magnéticas para esse fim não são eficazes, nem mesmo recomendam esse tipo de tratamento.


Infravermelho longo – Não existem estudos em humanos que comprovem que os raios infravermelhos longos tenham propriedades terapêuticas.


Tratamentos quânticos, equilíbrio energético, entre outros – Usar nomes de teorias científicas não é uma garantia de que o tratamento funciona. Os que usam esses nomes estão mais próximos da superstição do que da ciência. Equilíbrio energético, purificação e limpeza de toxinas são palavras muito usadas para seduzir o consumidor.


Imprimir Enviar a um amigo