Mais Barato PROTESTE: Utilize nosso plugin e garanta os menores preços, nas melhores lojas!

Protetor solar não protege dos raios UVA
Descobrimos que há produtos com FPS bem inferior ao informado e que não protegem contra os raios UVA.
26 novembro 2012 |
Se você é uma pessoa consciente, provavelmente é adepta do uso do protetor solar. Mas temos uma má notícia: há grandes chances de o produto que você aplica não estar protegendo sua pele como deveria.

A PROTESTE realizou um teste com dez marcas de protetor solar para adultos e mostrou que sete marcas têm fator de proteção solar (FPS) inferior ao informado no rótulo, dois não protegem contra os raios UVA e cinco não apresentam fotoestabilidade (capacidade de manter a eficácia durante uma hora de exposição à radiação).

Veja abaixo quais marcas foram testadas:

  • L'Oreal Solar Expertise
  • La Roche-Posay Anthelios Hélioblock
  • O Boticário Golden Plus
  • Coppertone Utraguard
  • Cenoura & Bronze
  • Sundown Suncomplex
  • Avon Sun+
  • Nivea Sun Light Feeling
  • Banana Boat Ultra Defense
  • Red Apple

Já as crianças estão em situação melhor. Entre as cinco marcas infantis testadas apenas uma apresentou problemas na proteção UVA e uma outra na fotoestabilidade.               

Veja abaixo quais marcas para crianças foram testadas:

  • Nivea Sun Kids
  • Loreal Solar Expertise Kids
  • Huggies Turma da Mônica
  • Sundown Kids
  • Red Apple Kids

O fato é que esses resultados são muito alarmantes. E o pior: reincidentes, pelo menos no que diz respeito à fotoestabilidade. Em 2009, já havíamos testado protetores e encontrado problemas nesse item em quatro marcas (Avon, Helioblock, Banana Boat e Sundown), as quais permanecem deixando a desejar. Por isso, fique atendo e descubra se o protetor solar que você usa está realmente protegendo sua pele 100%.

 

Leia também

alimentação
azeite-proibido
onix
preco-galaxy-s7

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.