Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Febre amarela: saiba como afastar esse risco
Entenda o que é a doença, como se vacinar e se prevenir contra ela
15 janeiro 2018 |
febre-amarela

Setenta e seis municípios de São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia contam com uma campanha de vacinação contra febre amarela. Disponibilizada em doses fracionadas e padrão, a iniciativa é preventiva e temporária, e visa frear a circulação do vírus nesses estados. 

Confira a seguir mais informações sobre a febre amarela e o fracionamento da vacina:

O que é a febre amarela?

É uma doença infecciosa febril aguda, causada por um arbovírus (vírus transmitido por artrópodes), que pode levar à morte em cerca de uma semana, se não for tratada rapidamente. Os casos no Brasil são classificados como febre amarela silvestre (os mosquitos dos gêneros Haemagogus e Sabethes transmitem o vírus e os macacos são os principais hospedeiros) ou febre amarela urbana (o vírus é transmitido pelos mosquitos Aedes Aegypti ao homem). O vírus transmitido é o mesmo, assim como a doença que se manifesta nos dois casos, a diferença entre elas é o mosquito vetor envolvido na transmissão.

O macaco transmite febre amarela?

Não, o vírus é transmitido pelos mosquitos citados acima. No entanto, você não deve encostar ou remover macacos mortos que encontrar. Caso encontre macacos mortos ou doentes, deve informar o mais rapidamente ao serviço de saúde do município ou do estado onde vive ou pelo número de telefone 136.

Quais são os sintomas?

Os sintomas iniciais incluem febre de início súbito calafrios, dor de cabeça, dores nas costas, dores no corpo em geral, náuseas e vômitos, fadiga e fraqueza. Em casos graves, a pessoa pode desenvolver febre alta, icterícia (coloração amarelada da pele e do branco dos olhos), hemorragia e, eventualmente, choque e insuficiência de múltiplos órgãos. Cerca de 20 a 50% das pessoas que desenvolvem doença grave podem morrer.

febre-amarela2

A febre amarela é contagiosa?

Ela não é contagiosa, ou seja, não há transmissão de pessoa a pessoa, somente pela picada de mosquitos infectados com o vírus da febre amarela.

Como a doença pode ser evitada?

A vacina contra febre amarela é a medida mais importante para prevenção e controle da doença e apresenta eficácia de 95% a 99%, além de ser reconhecidamente eficaz e segura. Entretanto, assim como qualquer vacina ou medicamento, pode causar eventos adversos como febre, dor local, dor de cabeça, dor no corpo. Para algumas pessoa a vacina é contraindicada. Todas as pessoas que vivem nos locais de risco devem tomar uma dose da vacina ao longo da vida.

Qual é o atual esquema vacinal recomendado pelo Ministério da Saúde?

 De acordo com orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Ministério da Saúde passou a adotar dose única da vacina, a partir de abril, contra a febre amarela para as áreas com recomendação de imunização em todo o país. Todas as pessoas que vivem nesses locais devem tomar uma dose da vacina ao longo da vida.

Além disso, em casos de extensão da febre amarela silvestre de forma intensa, o fracionamento de doses é recomendado. A dose fracionada tem a mesma eficácia da dose padrão, é absolutamente segura e tem proteção comprovada de até oito anos.

Quais são as contraindicações para a vacina da febre amarela?

A vacina é contraindicada para crianças menores de seis meses, idosos acima dos 60 anos, gestantes, mulheres que amamentam, indivíduos com reação alérgica grave ao ovo, pacientes em tratamento de câncer e pessoas imunodeprimidas. Porém, em situações de emergência epidemiológica, vigência de surtos, epidemias ou viagem para área de risco, o médico deverá avaliar o benefício e o risco da vacinação para estes grupos, levando em conta o risco de eventos adversos.

Quais são os outros grupos que precisam ser avaliados antes da vacinação?

São aqueles com doenças agudas febris moderadas ou graves devem adiar a vacinação até a resolução do quadro para não se atribuir à vacina as manifestações da doença, pessoas a partir de 60 anos nunca vacinadas e ainda pessoas infectadas pelo HIV, sem sinais e sintomas da doença e com imunossupressão moderada, de acordo com a contagem de células.

febre-amarela-vacina

Que lugares são classificados como áreas de risco?

Regiões com matas e rios, onde o vírus e seus hospedeiros e vetores ocorrem naturalmente. Além disso, a vacinação de rotina para febre amarela é ofertada em 19 estados (Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Bahia, Maranhão, Piauí, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina) com recomendação para imunização. Na Bahia, Piauí, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, a vacinação não ocorre em todos os municípios. Além das áreas com recomendação, também está sendo vacinada, de forma escalonada, os moradores do Rio de Janeiro e do Espírito Santo.

Qual a orientação para turistas estrangeiros que visitam as áreas de recomendação de vacina no Brasil?

Para turistas que forem se dirigir a uma área com recomendação de vacina - tanto estrangeiros quanto brasileiros – e que não nunca receberam nenhuma dose da vacina, a recomendação é que seja vacinado pelo menos dez dias antes da viagem, que é o tempo que a vacina leva para criar anticorpos e a pessoa estar devidamente protegida. Quem tomou a vacina em algum momento da vida, não precisa de nova dose.

Além de se vacinar, como você pode evitar a febre amarela?

Existem outras maneiras de se prevenir contra a febre amarela. As autoridades sanitárias recomendam o uso de repelentes e roupas com mangas e calças, sobretudo em locais de mata.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE! Se você é associado e precisa de ajuda, ligue para nosso Serviço de Defesa do Consumidor pelo 0800 282 2204 (de telefone fixo) ou (21) 3906-3900 (de celular).

Leia também

duvidas-whey-protein
amazon-vende-brasil
babá eletrônica
remédios

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.