Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Tire dúvidas sobre a gripe suína
Conheça as características, sintomas, formas de contágio e o que é possível fazer para prevenir e tratar a doença
29 abril 2009 |
No final de abril, segundo a OMS, foram contabilizados mais de 26 casos confirmados em laboratório de gripe suína no México com 7 mortes e mais de 40 nos Estados Unidos. Os números significativos em tão pouco tempo alertaram autoridades de saúde que estão tomando medidas para evitar que a doença se torne uma pandemia.

Para você compreender melhor o que é a gripe suína, seus sintomas e quais são os tratamentos disponíveis, a PROTESTE preparou este exclusivo FAQ. Confira abaixo as perguntas e respostas mais freqüentes sobre a doença:

 O que é a gripe suína?

A gripe suína é uma doença respiratória dos porcos que pode ser transmitida a humanos, provocado por um subtipo do vírus Influenza.

É um vírus altamente contagioso, cuja incidência é aumentada no outono e inverno em países temperados. O vírus penetra no aparelho respiratório, multiplicando-se. Ele pode cair também na corrente sanguínea, se espalhando por outros órgãos.

 Quais são os sintomas?

São semelhantes aos da gripe convencional. São, porém, mais intensos:

Febre acima de 39 graus
Tosse
Dores de cabeça, nos músculos e nas articulações
Cansaço
Náuseas
Vômitos
Diarréias
 
Como o vírus é transmitido?

O contágio ocorre pelo ar ou contato com pessoas ou animais infectados, por meio de secreções do aparelho respiratório (que podem ser transmitidas por espirros ou muco, por exemplo).

 O vírus é transmitido pelo consumo de carne de porco?

Não, se o alimento for bem cozido. Cozinhar a carne de porco a pelo menos 71ºC mata o vírus da gripe suína.

 Como posso prevenir a gripe suína?

Atualmente, a única forma de prevenção é evitar contato com as pessoas que apresentem sintomas da gripe, principalmente aquelas estiveram recentemente no México e sul dos Estados Unidos, que são as áreas mais afetadas. Quem puder adiar viagens para essas regiões, deve fazê-lo. Mantenha hábitos saudáveis de higiene, alimentação e físicos.

Para o controle, devem ser usadas medidas gerais de defesa sanitária animal.

Existe vacina para a gripe suína?

Ainda não. É importante notar que não há conhecimento de que as vacinas tomadas contra a gripe convencional (como as que estão sendo oferecidas pelo Ministério da Saúde para pessoas maiores de 65 anos) tenham efeito contra esse subtipo.

 Como tratar a gripe suína?

A gripe suína pode ser tratada com antivirais, como Amantadinas e Rimantadinas. Para garantir maior eficácia, os medicamentos devem ser tomados quando os primeiros sintomas aparecerem, sempre sob orientação médica.

Como a doença está atualmente no Brasil? Há motivo para preocupação?

Até o final de abril, não houve casos confirmados no país. As autoridades sanitárias brasileiras já criaram postos de vigilância nos aeroportos para impedir a entrada da doença no Brasil. Assim, não há motivo para pânico, embora você deva permanecer atento.

Leia também

economizar
azeite-proibido
dúvidas
img-plano-saude1

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.