Notícia

Transtornos mentais no pós-parto: quais são

24 fevereiro 2011

24 fevereiro 2011

As alterações de humor provocadas pela depressão podem ter três graus de severidade.

Os transtornos mentais no pós-parto incluem a depressão pós-parto (DPP), que podem ser iniciados ou precipitados pelo parto e diferem entre si principalmente pelo grau de severidade. Estão divididos em: tristeza pós-parto, psicose pós-parto e depressão pós-parto.

A tristeza pós-parto são alterações transitórias do estado mental materno e ocorrem durante os dez primeiros dias de pós parto. Os sentimentos mais freqüentes, são: choro fácil, irritabilidade, flutuações do humor, tristeza, fadiga, dificuldade de concentração, insônia e ansiedade. Estudos mostram que esse quadro é considerado normal e essencial para alívio da ansiedade após o parto, apresentando-se de uma forma leve e de prognóstico benigno.

A psicose pós-parto é considerado o mais grave e dramático transtorno psiquiátrico do pós-parto, ocorrendo em cerca de um a dois partos a cada mil partos. Tem início nas três primeiras semanas de puerpério (período de 40 dias após o parto). A sintomatologia é inicialmente aguda, ocorrendo além do quadro depressivo, crises psicóticas.

Já a depressão pós-parto é caracterizada por apresentar quadros depressivos não psicóticos e que muitas vezes por terem o início menos agressivo, podem não ser reconhecidos e até ser ignorado pelos profissionais da saúde.


Imprimir Enviar a um amigo