Notícia

Economia com seguro do carro pode atingir até R$ 2 mil

22 fevereiro 2016

22 fevereiro 2016

Campanha Aqui se Economiza da PROTESTE ajuda a pesquisar preços para gastar menos.

O seguro de automóvel pesa no bolso do consumidor quando se trata de gastos com a manutenção anual do veículo. E com o avanço dos índices de roubo e furto no país, o preço deste serviço costuma acompanhar essas estatísticas, elevando os valores cobrados. 

Para quem está pesquisando modelos de carro para adquirir, saiba que esta variável também pode gerar uma boa economia no orçamento, na hora de fazer o seguro.

 

Pela calculadora da PROTESTE na campanha Aqui se Economiza, pode se calcular pelo perfil de uso, quais as apólices mais adequadas para se gastar menos com o seguro e há variações que ajudam a economizar até R$ 2 mil por ano.

 

Foi simulado, por exemplo, o perfil de um homem de 35 anos, morador do Rio de Janeiro. Ao comprar um Toyota Corolla 2015, pode economizar mais de R$ 2,1 mil se fizer uma pesquisa em seguradoras distintas. Essa diferença ocorre se contratar a HDI Seguros (R$ 2.597,37) ao invés da Tókio Marine (R$ 4.752,18).

 

Já para um morador de 35 anos, da cidade de São Paulo, que está em dúvida se adquire um carro 0km da Chevrolet (Onix LS 1.0) ou um da Hyundai (HB20 Comfort 1.0), o valor do seguro pode ajudar a se decidir.

 

Para o Onix, o desembolso com o seguro o valor seria de R$ 1.392. Já se optasse pelo segundo modelo, o HB20, o custo do seguro passaria a ser de R$ 2.739. Uma economia de mais de R$ 1.345 no ano.

 

Ferramentas online estão sendo oferecidas pela PROTESTE na campanha Aqui se Economiza, para se calcular pelo perfil de uso, quais as apólices mais adequadas para se gastar menos também ao escolher o cartão de crédito, conta corrente, plano para celular e  TV por assinatura adequado ao perfil de uso.

 

"É importante o consumidor se conscientizar que por meio de comparação de preços e condições pode ter o mesmo serviço, mais barato e às vezes até com mais benefícios, sem taxas que são cobradas em outros planos", explica Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da PROTESTE. 

 

A calculadora de seguro automóvel da PROTESTE compara online o preço de até seis seguradoras. Há uma variação de valores de uma seguradora para outra. Variáveis como sexo, idade, endereço, entre outras, também influenciam diretamente no preço final.

 

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) avaliou a variação do preço do seguro automóvel em 12 capitais brasileiras no ano de 2015. As cidades de Brasília, Salvador e Fortaleza foram as três localidades que registraram o maior aumento de preço do seguro: 18,07%, 7,20% e 6,92%, respectivamente.

 

Em contrapartida, as cidades de Campo Grande, Porto Alegre e Vitória foram as que registraram a maior redução no preço do seguro.



 

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e ganhe acesso ao conteúdo exclusivo que reservamos para você! 

Se voc&aecirc; é associado PROTESTE e precisa de ajuda com nosso conteúdo ligue para (21) 3906-3980.


Imprimir Enviar a um amigo