Especial

Balanço do ano mostra recuos e avanços

17 dezembro 2012

17 dezembro 2012

Há agências reguladoras que ainda desequilibram o jogo em favor das empresas e o consumidor sofre com a má prestação de serviços.

Redução dos juros e spread bancários

Desde 2010 a PROTESTE encaminhou diversos estudos à Presidência, Ministério da Fazenda e Banco Central para promover debates sobre a diminuição dos juros, encargos e taxas dos serviços bancários no Brasil, o que representaria um avanço para o efetivo desenvolvimento de relações de consumo mais igualitárias, respeitosas e avançadas. 

Foi uma vitória os cortes dos juros cobrados em várias linhas de crédito pelos bancos estatais e alguns privados, a partir de abril de 2012. 

Porém, a PROTESTE continua acompanhado o mercado e requerendo melhorias, com a continuada realização de estudos, seminário e debates com referência ao tema, de modo que a redução anunciada seja efetivamente praticada pelos bancos e que, doravante, a diminuição dos juros e demais taxas torne-se tendência.


Imprimir Enviar a um amigo