Especial

Diga não às taxas de cadastro

Cobrança sem sentido

Você não vai mais pagar taxas de abertura de cadastro aos bancos. Essa foi mais uma vitória da PROTESTE, que conseguiu na Justiça a suspensão dessa cobrança. A medida é temporária, mas já beneficia milhares de novos correntistas que vão deixar de pagar até R$ 59 apenas para abrir uma conta.

A cobrança da taxa de renovação de cadastro já havia sido proibida pelo Banco Central em 11 de setembro e só mostra a relevância do pedido da PROTESTE.

O que muda para quem já é correntista

Quem já tem conta em banco só deixa de pagar a taxa de renovação de cadastro. A nova determinação da Justiça é válida apenas para aqueles que abrirem novas contas – é que a taxa de abertura de cadastro só é cobrada no momento de preparo do cadastro.

Mas não é só isso. Também entramos na Justiça para requerer que as taxas já pagas por você sejam ressarcidas. No entanto, esse pedido só será avaliado posteriormente.

Cobrança só faz sentido para os bancos

Anteriormente, você podia pagar até R$ 100 ao ano, aproximadamente, apenas pelas taxas de abertura e renovação de cadastro. Eles só interessam ao banco e não eram cobrados dos consumidores até o ano passado, quando a resolução 3518/2008 do Banco Central os autorizou.

Por isso, não faz sentido que o consumidor seja onerado. Assim, nós entramos na Justiça para exigir que você não seja taxado por um serviço que não tem benefício prático para o consumidor.

Sua participação foi fundamental

Vale lembrar que a sua participação foi essencial para essa conquista. Com os extratos bancários e documentação enviada por você, o ofício que enviamos ao Banco Central e a ação movida por nós na Justiça ganharam ainda mais força e ajudaram a garantir essa vitória parcial.

Portanto, nossa luta ainda não acabou. Queremos que você seja ressarcido pelo pagamento das taxas de renovação de cadastro e que a proibição da cobrança seja estendida à taxa de cadastro. Veja aqui mais detalhes sobre nosso movimento.

A PROTESTE está liderando uma ação para impedir que os bancos cobrem de você as taxas de abertura e renovação de cadastro de contas bancárias.

Hoje, você pode pagar até R$ 100 ao ano, aproximadamente, apenas por esses dois procedimentos. Eles só interessam ao banco e não eram cobrados dos consumidores até o ano passado, quando a resolução 3518/2008 do Banco Central os autorizou.

Por isso, não faz sentido que o consumidor seja onerado. Assim, nós entramos na Justiça para exigir que você não seja taxado por um serviço que não tem benefício prático para o consumidor.


Imprimir Enviar a um amigo