Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Identifique fraudes da Black Friday com nossa ferramenta
Utilizando nosso plug-in você acompanha gratuitamente as reais variações de preço dos produtos online
31 outubro 2018 |

O atual cenário econômico no país não é dos melhores. Então, para evitar que o seu natal seja comemorado sem os tradicionais presentes, você pode aproveitar a Black Friday para antecipar compras de final de ano.

Essa é uma tendência que vem sendo praticada por muitos consumidores brasileiros, de acordo com pesquisa divulgada pelo site comparador de preços Zoom.

Os principais alvos são eletrônicos, seguido por eletrodomésticos, smartphones, artigos de informática e itens de casa e decoração.

compra-natal

O faturamento de 2018 também deve ser maior que no ano anterior, de acordo com o levantamento.

Mais Barato Proteste

E, para garantir que você consiga o melhor preço e identifique possíveis fraudes, disponibilizamos a ferramenta Mais Barato Proteste.

A ferramenta consiste num plug-in para navegador de internet que realiza uma busca automática, em mais de 30 lojas, pelas melhores ofertas.

Basta instalá-lo no navegador Chrome (Windowns, Mac ou Linux) e fazer a comparação dos preços dos produtos selecionados.

maisbarato-plugin

Como funciona

Ao buscar um item específico, a ferramenta apresenta a oferta mais barata durante o acesso.

Caso o produto desejado esteja com o preço elevado, você pode realizar um cadastro com o preço que deseja pagar, o que gerará um alerta por e-mail ou SMS quando alguma loja oferecer o valor pretendido.

Para ter acesso à ferramenta, acesse aqui e baixe o plug-in.

A instalação é gratuita e, com poucos cliques, você pode economizar com facilidade. 

Dúvidas?
Caso você tenha alguma dúvida, entre em contato com nosso Serviço de Defesa do Consumidor pelo telefone 400-3907.

Leia também

bf-dicas
blackfridaynote
blackfriday
cartoes-de-credito-qual-o-melhor

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.