Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Olimpíadas 2016: tive pertences roubados/furtados no quarto do hotel. A quem devo recorrer?
O hotel deve sempre se responsabilizar por qualquer perda ou dano sofrido. Saiba quais são os seus direitos e como agir para não ser prejudicado.
26 julho 2016 |

furto-hotel

Na época das Olimpíadas 2016, quem planeja assistir aos Jogos, além se organizar para garantir as reservas do hotel e comprar a passagem aérea, precisa também se preocupar com possíveis contratempos durante a viagem. Afinal, já pensou no transtorno de sair do quarto de hotel e ao voltar, ter seus pertences pessoais furtados? Estar ciente sobre seus direitos é a melhor maneira para evitar sair prejudicado de certas situações. 

É seguro deixar objetos de valor no quarto? 

Neste tipo de situação, no entendimento da PROTESTE e do próprio Código de Defesa do Consumidor é que deixar qualquer pertence pessoal no quarto deve sim, ser seguro. Pois em caso de furto ou roubo, a responsabilidade civil por qualquer furto, perdas ou danos é exclusivamente do hotel.

No entanto, a maioria dos hotéis diz que não se responsabiliza por objetos deixados fora do cofre. Porém é importante saber que avisos como estes impressos na ficha de entrada, não tem valor legal. A relação entre hotel e o hóspede é de consumo. E o Código de Defesa do Consumidor, por sua vez é bastante claro e não deixa dúvidas: quem oferece o serviço tem que prestar a sua segurança total

 

bens-pessoais

Declarar bens pessoais minimiza problemas 

Também é obrigação do hotel informar ao hóspede que ele deve declarar aquilo que ele tem de valor, dentre seus pertences. No entanto, não é o que acontece na maioria das vezes. Desse modo, para se precaver e evitar mal entendidos, na chegada você pode preencher um papel em branco declarando tudo aquilo o que tem de maior valor, como uma declaração de bens pessoais.

Em caso de transtornos onde não houver um acordo, o hóspede deve fazer um registro de ocorrência em sede de Delegacia Policial e guardar o comprovante de pagamento do hotel. Neste caso, cabe ao hotel provar que não houve o furto, e não você - na posição de consumidor - já tão lesado pela perda. 

Além disso, você pode e deve buscar ajuda e Reclamar com a ajuda da PROTESTE. Conosco sua reclamação será enviada diretamente à empresa, e você ainda conta com o suporte do nosso Serviço de Defesa do Consumidor para resolver o problema.


Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE!

 

Leia também

casal-sonhando
sabonetes-faciais
cobertura-seguro-carro
azeite-teste-rotulo

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.