Notícia

Promoções de lojas online estão sendo monitoradas para evitar fraudes no Black Friday

21 outubro 2015
blackfriday

21 outubro 2015

Os lojistas que enganarem os consumidores serão notificados pelo Procon, autuados e poderão pagar multa com base no Código de Defesa do Consumidor.



As entidades de defesa do consumidor como a PROTESTE e o Procon-SP já estão monitorando alguns preços de produtos mais vendidos na promoção anual da Black Friday, prevista para 27 de novembro, para evitar falsas promoções.

  


Como há empresas que aumentam os preços semanas antes do evento e dar um falso desconto na data da promoção, é fundamental pesquisar o preço de produtos de interesse do consumidor desde agora.  


O monitoramento vai permitir avaliar se as empresas cumprirão de fato o prometido aos consumidores ou se é apenas um artifício para vender mais.


Com a economia em crise, o comércio aposta na promoção anual  para alavancar as vendas de olho no consumidor que puder lançar mão do 13º salário. Para os consumidores a expectativa é conseguir fazer boas compras nesta promoção conjunta das lojas online e físicas. 


Mas para que os descontos sejam reais e não gerem problemas na hora do recebimento dos produtos é preciso se cercar de cuidados. Os que enganarem os consumidores serão notificados pelo Procon, autuados e poderão pagar multa com base no Código de Defesa do Consumidor (CDC).


Empresas participantes da promoção podem sair com a imagem arranhada se não se estruturarem para atender a demanda. É fundamental que a oferta seja cumprida, com a garantia de produto em estoque para entrega no prazo acertado. Caso contrário será configurado propaganda enganosa. 


Ofertas muitos boas são tentadoras, mas se você não conhecer e não tiver referências do site, não compre. Certifique-se que a loja não faz parte da lista do Procon de sites a serem evitados por terem lesado consumidores.


Após pesquisar preços em outras lojas para conferir se a promoção é real, para saber se produto desejado não está mais barato fora da promoção, é essencial verificar se a compra será segura. 


Verifique se há identificação completa do fornecedor (site), isto é, razão social, endereço completo, CNPJ, telefone de contato. Confira prazo de entrega e não deixe de salvar ou imprimir a página de oferta a a confirmação de compra para se documentar em caso de problemas futuros.


A PROTESTE tem a cartilha online do Comércio Eletrônico, com uma série de informações, legislação, direitos e deveres do consumidor, do site, cuidados a serem observados e dicas úteis a respeito das várias modalidades de compra virtual existentes hoje no mercado.



Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e ganhe acesso ao conteúdo exclusivo que reservamos para você! 

Se você é associado PROTESTE e precisa de ajuda ligue para nosso Serviço de Defesa do Consumidor nos telefones: (21) 3906-3900 (de telefone fixo) e 0800 201 3900 (de celular).


Imprimir Enviar a um amigo