Notícia

PROTESTE aciona CBF por ingresso abusivo

02 dezembro 2008

02 dezembro 2008

Torcedor não pode ser prejudicado pela polêmica decisão do Goiás que fixou preço de R$ 400 para  partida decisiva do Campeonato Brasileiro de futebol.

A PROTESTE Associação de Consumidores enviou ofício à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para que tome providências contra a polêmica decisão do Goiás de fixar em R$ 400,00 o preço do ingresso para o jogo contra o São Paulo, domingo, dia 6 de dezembro, no Gama, no Distrito Federal.

A Associação considera o aumento abusivo e contrário ao Código de Defesa do Consumidor por se aproveitar da vulnerabilidade do consumidor, deixando-o em desvantagem justamente numa partida decisiva apotnada como a final do Campenonato Brasileiro.

Associados da PROTESTE estão reclamando da decisão, pois terão que pagar o equivalente a um salário mínimo para ver o jogo. O consumidor não pode ser prejudicado  pela punição do time goiano que não poderá enfrentar o São Paulo no Serra Dourada por ter sido punido após incidentes entre torcedores noconfronto com o Cruzeiro, disputado dia 2 de novembro.


Imprimir Enviar a um amigo