Notícia

PROTESTE defende estrangeiros na Copa

02 julho 2014

02 julho 2014

Em ação conjunta com associação de consumidores belga, exigimos providências para garantir melhores condições de hospedagem.

As precárias condições das instalações do camping De Village, que hospedou no Rio de Janeiro a torcida belga na primeira fase da Copa, levaram a PROTESTE, em parceria com a Test-Achats, entidade de defesa do consumidor da Bélgica, a exigir providências do estabelecimento e do Poder Público para solução dos problemas, principalmente de segurança.

Sem a infraestrutura prometida apesar do elevado custo do pacote (cada turista pagou cerca de R$ 13 mil incluindo passagens, ingressos e hospedagem), cerca de 400 torcedores enfrentaram banheiros sujos, falta de energia e correram risco com a falta de segurança da parte elétrica. Eles foram orientados a registrar em fotos e vídeos todos os transtornos sofridos para exigir ressarcimento da empresa contratada, além de uma indenização da Sun Voyages S.A  pelos danos sofridos.

O cenário fazia jus à Vila dos Diabos, nome do camping em inglês que sugeria o inferno enfrentado pelos visitantes. Entre outros problemas, estavam um banheiro para cada 20 pessoas, tapumes que cobriam o solo enlameado, postes quebrados e uma área de primeiros-socorros utilizada como varal. O De Village ocupava parte da área do Camping Clube do Brasil, na Zona Oeste do Rio.

O Código de Defesa do Consumidor (CDC) deve ser respeitado por todos os segmentos do mercado de consumo. Por isso, a PROTESTE enviou ofício à Secretaria de Defesa do Consumidor do Rio de Janeiro e ao Corpo de Bombeiros pedindo fiscalização no camping, além de pedir a verificação dos registros do local junto a Prefeitura e ação da ANVISA em relação à higiene.

Denuncie você também qualquer gol contra o consumo nesta Copa! Quem é nosso associado conta com apoio para ser orientado sobre os seus  direitos, acesso à íntegra de nossos testes e um universo de vantagens!


Imprimir Enviar a um amigo