Notícia

Acampamento: lazer que oferece risco

24 março 2014

24 março 2014

Avaliamos 20 campings localizados no litoral do Rio de Janeiro e São Paulo e descobrimos que todos pecam em segurança.

A opção pelo camping na busca por sossego, contato com a natureza e simplicidade, mais barato do que em hotéis e pousadas, pode causar transtorno. Nenhum dos locais de campismo avaliados dispõe de saídas de emergências. Os acampamentos também não deixam o laudo de inspeção do Corpo de Bombeiros visível, além de contar com falhas nas instalações elétricas e de gás, a ausência de extintores de incêndio, a falta de informações e de regras de segurança para os campistas.

Visitamos anonimamente os 20 campings mais frequentados da Costa Verde, faixa de terra que vai do litoral sul do Rio de Janeiro até o norte do litoral de São Paulo. Nós observamos os itens de combate a incêndio, instalações elétricas, avisos e advertências. Também avaliamos o conforto e a higiene dos acampamentos a partir da quantidade de barracas, qualidade das instalações, estacionamento e condições dos banheiros, da cozinha e de áreas comuns.

Os campings de São Paulo têm uma estrutura melhor que a dos locais de campismo do Rio de Janeiro. Mas nenhum camping foi considerado totalmente seguro. Somente quatro locais se destacaram na nossa avaliação: Camping Itaguá, Pedra do Sino, Pica-Pau e Camping Pinon. Porém, apenas o último foi considerado realmente seguro, precisando ainda informar melhor suas saídas. Os outros pecaram principalmente no trato com botijões de gás.

Por outro lado, se destacaram negativamente: o Camping Guaiamum e o Camping do Bicão, no Rio de Janeiro, e o Camping Perequê-Açu, em São Paulo. Mas isso não abafa as más condições de segurança dos outros. A falta de extintores e as instalações elétricas são bastante preocupantes, já que no Rio de Janeiro só o Oficina do Som apresentou todos os itens. Outro ponto fraco foi nenhum acampamento possuir câmeras de vigilância.

A única notícia boa é que a maioria estava com a higiene em dia. Mas alguns estabelecimentos têm a infraestrutura muito antiga e precisam urgentemente de reforma. Para não colocar em risco a sua segurança, ter problemas no final de semana, feriado ou férias, alertamos: é importante observar bem o local escolhido.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e ganhe acesso ao conteúdo exclusivo que reservamos para você!




Imprimir Enviar a um amigo