Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

PROTESTE: Cuidados ao fazer empréstimos
Henrique Lian fez recomendações para a contratação de créditos pessoais em entrevista para a Rádio Nacional de Brasília
07 agosto 2020 |

A pandemia do coronavírus causou impactos na vida do consumidor, entre eles, a perda de renda é o maior. Muitos buscam empréstimos para solucionar dívidas, mas é preciso estar atento para não agravar a nova situação financeira. A quantidade de golpes e taxas abusivas aumentou assim como a disponibilidade de ofertas de créditos pessoais, por isso, Henrique Lian, diretor de relações institucionais da PROTESTE, indicou quais cuidados são importantes na contratação desse serviço em reportagem para a Rádio Nacional de Brasília nessa quinta-feira (6).

A PROTESTE pesquisou as diferentes taxas oferecidas por instituições financeiras. Segundo Lian, entre os cinco maiores bancos do país, foram encontradas taxas de 32% e 75% ao ano para o empréstimo de 3 mil reais em 12 vezes. Além de taxas abusivas, existe o risco de golpes.

“Especialmente pelo WhatsApp, há muita oferta falsa de crédito. Nossa recomendação para o consumidor é se certificar de que está em contato com uma instituição séria, pesquisar muito bem e conferir se ela oferece um empréstimo com taxa competitiva.” alerta Henrique Lian.

Além disso, é preciso se informar sobre o custo total do empréstimo que incluiu outras despesas administrativas. Confira mais dicas na reportagem completa, aqui

Saiba mais: PROTESTE orienta consumidores sobre os principais vilões do endividamento

Leia também

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.