Notícia

Planos: o que pode nos reajustes

27 setembro 2010

27 setembro 2010

Para escapar do Estatuto do Idoso, operadoras reajustam serviço quando cliente completa 59 anos.

Os nossos testes mostram que os planos de saúde são serviços caros, representando mais de 70% da renda do idoso.

Além disso, para evitar pagamentos abusivos ou má qualidade, o consumidor deve permanecer atento. Entenda aqui em quais condições os reajustes dos planos são permitidos.

Não aceite aumentos descabidos

Veja abaixo em quais condições os preços dos planos de saúde podem ser alterados:

Data do contrato /
Razão do reajuste

Anteriores a 1999 (antigos)

De 1999 a 2003

A partir de 2004 (Estatuto do Idoso)

Variação de custo

Índice do contrato ou o definido pela ANS

Somente com autorização da ANS

Mudança de faixa etária

Aplicável apenas se previsto em contrato

Permitido de acordo com as faixas etárias definidas pela ANS

Vetado para maiores de 60 anos

Operadoras antecipam reajustes

Faixas etárias em vigor para reajuste dos planos de saúde

0 a 18 anos
19 a 23 anos
24 a 28 anos
29 a 33 anos
34 a 38 anos
39 a 43 anos
44 a 48 anos
49 a 53 anos
54 a 58 anos
10ª
59 anos ou mais


O Estatuto do Idoso proíbe qualquer reajuste por idade para maiores de 60 anos. Porém, quem tem 59 anos foi sobrecarregado com o reajuste que só era feito a partir dos 60 anos.

Na prática, o que houve foi a antecipação do reajuste. Mas, dependendo de quando você completou 60 anos, você pode não ter que pagar esse aumento. 


Imprimir Enviar a um amigo