Notícia

PROTESTE faz mutirão de telefonia

17 maio 2007

17 maio 2007

Serão esclarecidas dúvidas sobre a conversão de pulso para minuto que será implantada até 31 de julho em todo o País.

A PROTESTE participará na quarta-feira, dia 23, em São Paulo, de um mutirão nacional, para esclarecer a população sobre as novas regras de cobrança das conta da telefonia fixa. O Guia da conversão de pulso para minuto já disponível no site foi impresso para distribuição na Praça do Patriarca, no centro da capital paulista.

Os técnicos da PROTESTE estarão no período das 10 às 15 horas, no local, orientando e distribuindo material informativo e revistas. A campanha de esclarecimento deverá abranger todo o país, envolvendo também os Procons, mas cada entidade de defesa do consumidor fará um trabalho individualizado.

O objetivo é esclarecer as principais dúvidas para que o usuário possa optar adequadamente ao seu perfil de consumo, após avaliar o plano básico ou alternativo, que começam a vigorar no País para a telefonia fixa.

A PROTESTE aconselha o consumidor a pedir formalmente às operadoras a conta detalhada da telefonia fixa para obter mais subsídios para a escolha adequada do plano.

O sistema de telefonia fixa tem agora dois planos de oferta obrigatória (Básico e Pasoo), que estão sendo implantados gradativamente desde 1º de março, com a tarifação das ligações locais por minuto. Até 31 de julho deve acabar a medição por pulso.

No novo sistema, o consumidor optará por um dos dois planos e poderá alterar a escolha a qualquer tempo, sem custos. O consumidor que não optar passará automaticamente para o Plano Básico, que tem franquia de 200 minutos, enquanto o alternativo, 400 minutos.

Consulte no Guia as respostas às mais diversas perguntas sobre as mudanças que estão ocorrendo na telefonia fixa


Imprimir Enviar a um amigo