Como fizemos o teste

Leite Integral UHT: como fizemos o teste

18 outubro 2019

18 outubro 2019
Veja, aqui, todos os parâmetros que nos ajudaram a chegar aos resultados de nosso teste com leite integral UHT.

As principais marcas de leite integral UHT disponíveis no mercado foram compradas anonimamente nas lojas. Nós não aceitamos amostras grátis de fabricantes.

Os laboratórios que fazem as análises são acreditados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Para manter a independência de nossos testes, não revelamos seus nomes. Baseamos o teste nas normas nacionais que melhor retratam os interesses do consumidor, e utilizamos as seguintes avaliações:

1.Rotulagem
Verificamos se os rótulos continham todas as informações exigidas pela legislação, além de outros dados importantes para sanar as dúvidas do consumidor;

2.Análises Físico-Químicas e Microbiológicas
Composição Nutricional – avaliamos o teor de proteínas, gorduras e lactose presentes nos leites. Para ser considerado integral, o leite deve manter toda a sua gordura natural (≥3%). Além disso, deve possuir um teor mínimo de 2,9% de proteína e 4.3% de lactose.

Extrato seco desengordurado - essa análise compreende todos os elementos do leite, menos a água e a gordura.

Higiene Analisamos a presença de bactérias mesófilas, aeróbias e anaeróbias facultativas. A presença dessas bactérias está associada às condições gerais de higiene desde a ordenha ao armazenamento e ao transporte do leite. Quando presentes, podem gerar toxinfecção alimentar, além de modificar o sabor, aroma e o aspecto, e consequentemente, reduzir o tempo de prateleira do leite de vaca e de seus derivados.

Acidez - A presença de bactérias no leite pode fermentar a lactose produzindo ácido láctico, e consequentemente, gerar o aumento da acidez no leite.

Neutralizantes de acidez - São substâncias, que não são permitidas por lei, mas erroneamente são adicionadas com a finalidade de mascarar a acidez resultante da fermentação microbiana.  

Pesquisa de reconstituintes de densidade – Analisamos a presença de sacarose e amido. Essas substâncias não são permitidas por lei e são adicionadas na tentativa de recompor a densidade do leite que foi aguado. 

Pesquisa de conservantes – Analisamos a presença de folmaldeído, um tipo de conservante, não permitido por lei, adicionado ao leite a fim de prolongar a vida útil, por meio da diminuição da microbiota presente no leite, inibindo o crescimento desse.

Densidade - A densidade do leite é uma relação entre seu peso e volume e é normalmente medida a 15oC. A baixa densidade pode indicar a adição de água no leite e, eventualmente, poderá indicar também problemas de saúde da vaca, ou mesmo problemas nutricionais. 

Crioscopia – O índice crioscópico ou crioscopia é a medida do ponto de congelamento do leite ou da depressão do ponto de congelamento do leite em relação ao da água. Quando se adiciona água ao leite, o ponto de congelamento aumenta em direção ao ponto de congelamento da água (0oC). Esse teste indica a adição de água no leite
Micotoxinas – Analisamos a presença de aflatoxina M1(composto tóxico produzido por fungos) associada ao aparecimento de câncer hepático.

3. Análise sensorial 
Um painel de consumidores provou as diferentes marcas de leite e avaliou os produtos.


Imprimir Enviar a um amigo