Notícia

Secadores de cabelo: peso e barulho são problemas

30 abril 2015

30 abril 2015

Dos 11 modelos de secadores de cabelo que testamos, nove podem ser considerados produtos bons. Entretanto, ainda pecam em dois aspectos essenciais: volume e ruído. Confira os resultados do teste e poupe R$ 194 com nossa escolha certa.

Secadores de cabelo

Testamos 11 modelos de secadores de cabelo para trazer a você a melhor opção. E, de fato, nove deles podem ser considerados bons produtos, por serem seguros, não causarem interferência em outros eletrônicos e terem um fluxo de ar eficaz. Por outro lado, ainda não mostraram qualquer evolução em relação ao nosso último teste em dois quesitos muito importantes: barulho e peso.

 

Nível de ruído no limite para possíveis danos auditivos 

Ao frequentar um salão de beleza, é muito comum a exposição a sons acima de 85 decibéis (dB), que não devem ultrapassar oito horas diárias. E essa é exatamente a frequência da maioria dos aparelhos, razão pela qual foram tão mal avaliados. Tirando o Lizz, aceitável devido aos 79,7 dB, todos foram julgados como ruins. Uma dica para evitar um secador barulhento: ao comprar, procure o Selo Ruído no rótulo.

 

Peso excessivo e cabos pequenos tornam manuseio difícil 

O outro destaque negativo citado foi o peso, que, juntamente com os cordões de alimentação, engloba o teste de facilidade de uso. Constatamos que todos os modelos seguem muito pesados, com resultados acima de 500 g. 

Dentro desse espectro, já volumoso, houve grandes variações, indo do Mondial, o mais leve (566 g), até os pesos-pesados Lizz (900 g) e Gama Italy Eleganza (940 g). Aparelhos volumosos assim podem causar cansaço ou até mesmo dores nos braços de alguns usuários.   

 

Quanto maior o cabo de alimentação, mais fácil é seu uso 

As cordas de alimentação também ficaram devendo. Como regra, quanto maior esse cabo, mais mobilidade você terá. Os secadores Cadence e Mundial, com apenas 1,6 m de cordão, dificultam o manuseio. Melhores nesse aspecto são os produtos Taiff e Lizz, que têm 2,8 m de extensão.

 

Secadores obtêm boas notas em fluxo de ar e temperatura 

Mas nem tudo é notícia ruim. O fluxo de ar, ou seja, avaliação da velocidade e quantidade de ar, foi considerado bom em todos os aparelhos, que também foram aprovados no teste de temperatura, que não deve passar dos 80ºC. 

Apenas dois, Lizz e Taiff Titanium, foram tidos como mais fracos, mas, mesmo assim, aceitáveis, por registrarem temperaturas acima de 85ºC.  

E fique tranquila caso tenha dúvidas, pois seis dos 11 secadores têm manuais de instruções claros e com informações completas para o uso, a manutenção e a segurança do usuário.


Descubra quais secadores de cabelos foram avaliados como a escolha certa e o melhor do teste.




Imprimir Enviar a um amigo