Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

PROTESTE difunde conteúdos relevantes aos consumidores em lives semanais
Toda segunda e quarta, especialistas debatem nas redes sociais direito do consumidor, proteção de dados, boas práticas na área de saúde, empreendedorismo alimentar em tempos de crise e impactos da Covid-19 no consumo. Quarta-feira, às 16h, a pauta é LGPD.
12 maio 2020 |

Nesta quarta-feira a PROTESTE inova em sua transmissão ao vivo dos debates sobre temas relevantes para o consumidor: o encontro marcado será no Linkedin da maior associação de consumidores da América Latina, a Proteste Brasil. A pauta é a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), um conjunto de normas que regula as atividades de tratamento, uso e armazenamento de dados pessoais. No dia 6 de maio, a LGPD teve sua vigência adiada para 3 de maio de 2021, o que garante mais tempo para que as empresas se adaptem à nova legislação. 

AGENDA LIVES PROTESTE

Quarta-feira, 13/05, às 16h 
Linkedin Proteste Brasil
Tema - LGPD: implementação e discussões práticas

O especialista em direito do consumidor da PROTESTE, Renato Santa Rita convida o professor do curso on-line da PROTESTE, Save the Data, Diogo de Souza e Mello, especialista em Direito e Novas Tecnologias, para tratar de assuntos como: 
Como colocar em prática a LGPD em sua empresa? 
Quais as novas profissões que serão criadas com a implementação da lei? 
Como fazer as adaptações internas? 
Como funciona o esquema de parceria de compartilhamento de dados entre as empresas.

Sexta-feira, 15/05, às 16h
Transmissão simultânea Facebook e Linkedin Proteste Brasil
Tema: Como se posicionar no ambiente digital

Norma da Matta, professora na Unesa e UVA de Planejamento de Marketing Digital, Métricas e Monitoramento na web, E-Commerce e Comunicação em ambiente Digital, é a convidada da live Tête-à-Tête com a PROTESTE. No bate-papo ela abordará questões como: 
Como as empresas podem se destacar e continuar tendo visibilidade na pandemia
Como se reinventar no marketing digital em diferentes segmentos?
Qual a importância da presença digital  no posicionamento da empresa em um momento de crise?
Qual o caminho a seguir por quem ainda não está no ambiente digital? 

Quarta-feira, 20/05, às 16h
Transmissão simultânea Facebook e Linkedin Proteste Brasil
Tema: Decisões certas nos negócios da gastronomia em tempos de crise

Rachel Carvalhaes, proprietária da C´est Prêt Consultoria, especializada em auxiliar e aperfeiçoar a gestão de empreendimentos gastronômicos, responderá as principais dúvidas sobre quem já empreende ou deseja empreender no ramo da alimentação. 
Qual deve ser o layout dos negócios gastronômicos pós-Covid 19?
Que tipo de treinamento os profissionais do setor devem ter?
O que muda nas técnicas de finalização e manipulação de alimentos?
Qual o foco das campanhas de marketing pós-corona?
Quais as recomendações para as finanças de quem já tem um negócio e está lidando com a redução do faturamento?
Lembrando que a PROTESTE possui um curso on-line completo para quem deseja se aventurar nesta área, o Você Chef: da Cozinha ao Lucro. 

Sexta-feira, 22/05, às 16h
Transmissão simultânea Facebook e Linkedin Proteste Brasil
Tema: O aumento dos ataques cibernéticos com a quarentena

O fluxo de dados digitais em todo o mundo aumentou consideravelmente com a quarentena.  Consequentemente, a OMS registrou também o aumento de ataques cibernéticos às suas plataformas desde o início de Março . E a CISA (Agência de Infraestrutura de Segurança dos Estados Unidos) emitiu um alerta pedindo atenção aos golpes virtuais relacionados à enfermidade. Na live de sexta-feira, iremos conversar com o especialista da PROTESTE, Thiago Porto sobre: 
Tipos de vírus cibernéticos
Os ataques mais comuns: a Febraban apontou alta de 44% nos links maliciosos de fevereiro para março de 2020 com o objetivo roubar dados e dar acesso a contas bancárias ou cartões de crédito do consumidor. 
Dicas para se prevenir

Leia também

curso lgpd
atendimento-juridico

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.