Server Error

Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

Compare e descubra o melhor protetor solar para sua pele e para o seu bolso
Levamos as principais marcas de protetores solares ao laboratório e vimos que há bons produtos no mercado. Mas na hora da compra, a diferença de preços é grande. Veja como proteger sua pele economizando! 
24 outubro 2018 |

Na praia ou na piscina, o protetor solar é imprescindível. Mas isso não basta! 

O aconselhável é que ele faça parte da sua rotina, sobretudo nos dias quentes de verão que vêm por aí – então, use e abuse desse produto. 

Dessa forma, você não só mantém a pele livre de manchas e queimaduras, como afasta outros problemas capazes de comprometer sua saúde. 

E se a dúvida é sobre o quanto isso pode pesar no bolso, não se preocupe: acessando nosso comparador de protetor solar, você verá que é possível economizar bastante na compra do protetor corporal – a economia pode chegar a mais de R$ 40,00 por frasco! 

E mais: pelo preço de apenas um, dá para comprar três de outra marca. 

protetor-solar-um

O fator de proteção solar (FPS) foi um dos critérios avaliados em nosso teste. É importante destacar que o valor do FPS indica a capacidade que o produto tem  em filtrar os raios UVB, impedindo, dessa forma, que eles entrem diretamente em contato com a sua pele. 

De acordo com a legislação brasileira, o fator de proteção realmente oferecido não pode ser inferior a 17% do valor indicado na embalagem – todos os protetores testados declaram possuir FPS 30. 

A proteção UVA também foi avaliada, segundo a legislação, essa proteção deve ser igual a um terço do FPS. Assim, se o FPS é 30, a proteção UVA deve ser de, no mínimo, 10.

Como foi feito nosso teste

Levamos as principais marcas de protetores solares corporais ao laboratório. Lá, verificamos se o fator de proteção solar (FPS) oferecido é o mesmo estampado nos rótulos (30).

Além disso, analisamos a capacidade dos filtros em proteger o consumidor contra os raios UVA.

Por fim, contamos com o auxílio de 30 voluntárias que, após receberem frascos devidamente camuflados para evitar a identificação da marca, utilizaram os produtos e avaliaram diversos aspectos.

 

frasco-camufladi

Entre eles, aroma, textura, absorção, facilidade em espalhar e tonalidade da pele após a aplicação.

Bons resultados

A boa notícia é que nenhum filtro solar decepcionou em relação à proteção UVA.

Ela variou de 15,8 a 22,3, ou seja, com resultados bons ou muito bons.

Já em relação ao FPS, com exceção de apenas uma marca, a maioria dos produtos se saiu muito bem. – Confira aqui os destaques

O produto que pior se saiu em nossa análise laboratorial também não agradou as consumidoras: segundo elas, peca devido à consistência espessa, ao aspecto pegajoso e ao aroma desagradável - saiba qual

Três pelo preço de um

tres-protetores-solares

Capazes de proteger contra raios UVB e UVA, e apreciados pelas consumidoras, dois produtos ganharam o título de melhor do teste.

No entanto, se você preza por custo benefício, é melhor dar preferência à nossa escolha certa. Assim você poupa e ainda leva um produto de qualidade para casa. 

Optando por um dos produtos mais baratos do teste, você não só economiza mais de R$40,00 (comparação entre os preços mínimos) como leva 80 ml a mais de produto, sem perder a qualidade.

Isso porque, pelo preço de apenas um produto da marca mais cara (120 ml), dá para adquirir três frascos do outro (600 ml), e ainda sobra troco.

Daí a importância de estar bem atento na hora da compra: fique de olho no preço e também, é claro, nas informações presentes no rótulo.

Vale ainda destacar que nenhum protetor decepcionou em relação ao rótulo.

Só as letras impressas em cinco dos dez produtos poderiam ser um pouco maiores para facilitar a leitura.

Para ter acesso ao resultado completo do teste, clique aqui e veja nosso comparador de protetor solar.

melhor-do-teste

Rótulo inadequado

De acordo com as análises realizadas em laboratório, constatamos que um dos produtos testados, que traz FPS 30 estampado na embalagem, oferece nível de proteção inferior ao rotulado.

Encaminhamos o resultado à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), entidade que supervisiona esse tipo de produto, e solicitamos a adequação do FPS rotulado de 30 para 20.

Use protetor solar com FPS igual ou superior a 30

protetor-solar-vencido

O uso do protetor solar deve fazer parte da sua rotina. Confira, abaixo, dicas para ajudar você a escolher o filtro ideal e a manter a eficácia do produto: 

- Respeite a recomendação da Sociedade Brasileira de Dermatologia e prefira produtos com fator de proteção solar (FPS) igual ou superior a 30, pois eles protegem melhor contra os raios UVB, capazes de provocar queimaduras, entre outros problemas. Só pessoas com a pele negra estão liberadas para, eventualmente, usar protetor solar com FPS abaixo de 30;

protetor-solar-black

- E atenção: quem tem pele muito clara, ou está submetido a tratamento dermatológico, precisa escolher um FPS acima de 50;

- Protetores com FPS acima de 60 não garantem mais proteção contra os raios UVB quando comparados aos de FPS 30. No entanto, quanto maior o FPS, mais você fica protegido contra os raios UVA, responsáveis pelo envelhecimento da pele;

- Verifique se o filtro é adequado para o seu tipo de pele. O produto em gel é indicado para a pele oleosa. Já quem tem normal ou seca, deve optar por cremes ou loções;

- Não use protetor vencido, pois ele pode ter perdido a eficácia. Mantenha o frasco em local seco e à temperatura ambiente. Logo, evite guardá-lo na geladeira ou no banheiro (local mais úmido da casa);

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE! Se você é associado e precisa de ajuda, ligue para nosso Serviço de Defesa do Consumidor pelo 4003-3907.

Leia também

shutterstock_373310398
slime-caseiro
cadeiras-plasticas
remédios

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.