Veja todas as publicações da PROTESTE em seu celular ou tablet!

PROTESTE lança aplicativo para ajudar a poupar em supermercados
App, em fase inicial, está disponível para dois bairros do Rio de Janeiro
 
13 setembro 2016 |
Supermercado
 
A PROTESTE  está lançando um aplicativo para ajudar a economizar nas compras de supermercados: o GApp. Nesta fase inicial, o aplicativo traz dados de estabelecimentos nos bairros da Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro, e está disponível para a plataforma Android. A atualização dos preços é diária.
 
 
Com a inflação em alta, o app é um aliado para driblar o peso das compras de supermercados no orçamento familiar. Com ele é possível visualizar as ofertas da região e consultar os preços dos produtos usando o nome do produto ou o código de barras, inclusive através da foto do código de barras do produto.
 
O GApp foi produzido graças ao apoio de mais de 250 mil associados em todo o Brasil. Junte-se a esta luta! Associe-se agora a PROTESTE!
 
O app também permite ao usuário criar listas de compras e ver em qual estabelecimento da região vale mais a pena realizar as suas compras. Você digita os produtos de sua lista de compras e consegue saber, de imediato, onde cada um é mais barato. Se o consumidor quiser dividir a lista em mais de uma loja, para ter uma economia ainda maior, o app também fornece essa informação.

Aplicativo GApp

O aplicativo usa a câmera do celular para registrar os códigos de barra dos produtos. Ele faz uma relação das ofertas dos produtos escolhidos em vários supermercados diferentes. O usuário pode ainda adicionar as compras no aplicativo, que calcula quanto o consumidor vai pagar antes de chegar ao caixa.

Não espere mais para economizar nas suas compras. Baixe agora o aplicativo!

Gostou deste conteúdo? CADASTRE-SE agora e receba gratuitamente informações da PROTESTE!

 

Leia também

preco-galaxy-s7
Consumidor confuso
prato
minimo-cartao

Deixe seu comentário()

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.