Universo PROTESTE:

Não deixe a sua segurança de lado

  • Não deixe sua seguranca de lado

    O veículo mais vendido do Brasil é também um dos mais inseguros. O Chevrolet Onix ganhou zero estrelas para a proteção de passageiros adultos e três para a de crianças em teste de colisão realizado pelo Programa de Avaliação de Carros Novos da América Latina e Caribe (Latin NCAP). As simulações constataram que você está em perigo grave em casos de impacto lateral.

    Por isso, a PROTESTE está tomando providências. Nós estamos exigindo a retirada do Chevrolet Onix do mercado brasileiro. E precisamos de seu apoio para que nossa reivindicação tenha ainda mais força.

    Assine a nossa petição e ajude-nos a ter carros que não representem um risco a sua vida! Veja a íntegra de nossa análise.

     

    Carro não seria aprovado por regras internacionais
    “De acordo com os resultados do teste, foi verificado que o carro não seria aprovado pela regulação da ONU (UN95), nem pela Norma Federal de Segurança Veicular dos EUA (FMVSS214). Não consideramos que a América Latina seja depósito para carros fora dos padrões exigidos, no entanto, infelizmente, não parece ser a opinião da GM”, diz Henrique Lian, gerente de relações institucionais e mídia da Proteste.

    O Onix não contava com dispositivos de absorção de energia em sua estrutura para impacto lateral, apenas barras nas portas. Houve um grande deslocamento dentro do compartimento do passageiro. Considerando esses resultados, não atenderia aos critérios básicos de segurança para impacto lateral previsto pelas Nações Unidas. A situação não mudaria nem mesmo se fossem instalados airbags laterais.

    Para o Gerente de Testes em Produtos e Serviços da Proteste, Sergio Mardirossian, “este veículo é o mais vendido no Brasil por dois anos seguidos. E o seu resultado foi vergonhoso. Ele recebeu zero estrela, o que quer dizer que ele é muito perigoso. E vale destacar que modelos equivalentes da mesma montadora vendidos na Europa e Estados Unidos possuem resultados muito melhores de segurança do que o disponibilizado em nosso país”, alerta.

    Ajude a PROTESTE a reverter essa realidade. Assine nossa petição e apoie a nossa luta por carros mais seguros!

Acceso ao formulário

Nossas Lutas

1.160

Pessoas apoiam esta iniciativa

 

 

Junte-se a nós nessa luta