Especial

Aproveite o verão com as dicas da PROTESTE

02 janeiro 2013
verao

02 janeiro 2013

Veja nossas dicas sobre alimentação e saúde para você aproveitar ao máximo a estação mais quente do ano.

Como escolher o óculos de sol

Óculos de sol não é frescura, é prevenção. A exposição aos raios do sol sem proteção pode deixar marcas não só na pele, mas também nos olhos. Mas atenção, usar óculos escuros que não tenham proteção contra raio ultravioleta é pior do que não usar nada para proteger os olhos sob o sol. Os óculos sem o filtro só facilitam a ação dos raios solares. No escuro, as pupilas dilatam, facilitando a entrada de radiação.

Os óculos, quando só escurecem e não protegem, coloca o olho em maior risco. Não deixe seus olhos sofrerem os efeitos nocivos do sol atrás de óculos escuros de má qualidade. Não compre em camelôs.

Muito mais que o cansaço do franzir sem cessar os olhos, se não tomar cuidado, a pessoa pode vir a queimar a córnea e até desenvolver uma inflamação, acelerar o surgimento de uma catarata e, ainda, perder a visão mais rapidamente a partir dos 60 anos.

Já se sabe que o abuso do sol pode ser uma das causas de doenças oculares como a catarata e tumores nas pálpebras e na retina, causadoras de cegueira. Pessoas com intensa exposição ao sol sem proteção têm 60% mais chance de ter catarata.

O sol também pode acelerar as possíveis causas da presbiopia, a vista cansada, que afeta todas as pessoas geralmente a partir dos 40 anos de idade. Moradores de países próximos da linha do Equador, onde há maiores níveis de radiação solar, desenvolvem mais esses problemas.

Saiba que as lentes de contato com filtro não oferecem proteção total. E lentes que clareiam e escurecem de acordo com o ambiente podem perder o efeito.

Para garantir que os óculos tenham a proteção garantida no selo em relação à proteção contra os raios UVA e UVB, e evitar as falsificações, é recomendável recorrer a boas óticas e boas marcas.

O olho humano possui mecanismos de defesa naturais que são inibidos pela escuridão proporcionada pelas lentes. A pupila, que automaticamente se fecharia diante da luminosidade, mantém-se dilatada quando se utiliza lente escura.

Para evitar problemas, desde cedo é preciso proteger os olhos do sol:

  • Escolha óculos que assentem bem em seu rosto, de forma a não permitir a passagem de luz pela lateral das lentes.
  • Evite lentes azuis, rosa e laranja, que filtram menos. Prefira marrons, verdes e cinzas.
  • Lentes espelhadas são eficientes, mas não são melhores que as demais.
  • O material das lentes não influencia sua eficácia. A escolha entre resina ou cristal deve estar relacionada ao peso dos óculos (cristal pesa mais) e a resistência das lentes (resina arranha mais facilmente).
  • Para as crianças, opte sempre pelas lentes de resina, que não quebram.
  • Na hora da compra, fixe os olhos em um ponto e passe os óculos pela frente. Se houver distorção na imagem, não compre.

Veja aqui mais informações sobre como escolher seu óculos de sol.


Imprimir Enviar a um amigo